Rio Preto inicia vacinação em hospitais, UPAs e unidades respiratórias nesta quinta-feira

Foto: Moisés Júnior

Rio Preto recebeu na tarde desta quarta-feira (20), por volta das 15h, as primeiras 7.800 doses da CoronaVac. Com isso, a Secretaria de Saúde anunciou o início da vacinação para esta quinta-feira (21) para trabalhadores da saúde de hospitais, Upas e unidades respiratórias no município. A vacinação ocorrerá no próprio local de trabalho durante os três turnos.

Nos próximos dois dias serão vacinados simultaneamente profissionais da linha de frente dos hospitais: Santa Casa, Austa, Beneficência Portuguesa, HMC e Santa Helena. Também serão imunizados funcionários das UPAs Jaguaré, Santo Antônio e Vila Toninho e das unidades respiratórias do Solo Sagrado, Caic, Anchieta, Vila Mayor e a Unidade de Internação Luz da Esperança. Somando todos os locais serão cerca de 3.000 trabalhadores imunizados nesta primeira remessa.

Dhoje Interior

“Para a próxima semana, assim que concluímos a vacinação desse grupo, nós estamos já mapeando e levantado os quantitativos necessários para vacinar outros envolvidos na linha de frente como funcionários de laboratórios, serviços diagnósticos. Já estamos em contato com idosos institucionalizados, já que muitos têm comorbidades”, afirmou a gerente de imunização Michela Barcelos.

Ainda de acordo com a Secretaria de Saúde, profissionais liberais ou de serviços não Covid-19 deverão aguardar o envio de novas remessas. As vacinas recebidas serão apenas para aplicação da primeira dose. O Estado deverá enviar mais doses para a segunda aplicação.

“A meta para grupo será de 90% para cada grupo. A contraindicação para essa vacina é para quem tem alergia de algum principio ativo que faz parte da formulação da vacina, quem teve alguma reação anafilática em uma dose anterior e por falta de estudos, essa vacina é contraindicada para menores de 18 anos”, afirmou Michela.

O Plano Nacional de vacinação prevê ainda a vacinação de outros grupos. “Tudo está sendo considerado, mas temos uma situação de produção insuficiente para atender todas as pessoas neste primeiro momento, por isso estabelecemos critérios para ser o mais justo possível e vacinar quem tem mais risco de exposição ou de desenvolver complicações”, afirmou.

Vacinação na Funfarme

A vacinação em Rio Preto teve início na terça-feira (19) com os trabalhadores da Funfarme. Segundo a assessoria, a meta nesta quarta-feira (20) era de imunizar 233 funcionários. A Funfarme conta com sete mil       colaboradores, sendo que 1.640 atuam na linha de frente do combate à Covid-19.

Por Vinicius LIMA – redação Jornal DHoje Interior