Rillo quer que TV Câmara transmita depoimentos do Conselho de Ética

Foto Divulgação Câmara Municipal

Após o Conselho de Ética da Câmara cancelar a oitiva de João Paulo Rillo na quinta-feira (13), o vereador protocolou nesta sexta-feira (14) o pedido de reabertura do prazo para apresentação de testemunhas e reiterou o pedido de transmissão dos depoimentos, inclusive o dele, pela TV Câmara.

O depoimento do vereador foi adiado nesta quinta-feira pelo Conselho, depois que Rillo enviou um comunicado se dizendo surpreso pela não presença da imprensa ou de transmissão da TV da Casa.

Dhoje Interior

“Sendo assim, em respeito à liberdade de imprensa, é imprescindível que os jornalistas possam acompanhar os atos praticados por este Conselho”, escreveu o vereador na nota.

O depoimento estava marcado para o período da tarde, já que no período da manhã foram ouvidos Bruno Moura, Odélio Chaves e Cabo Júlio Donizete, a portas fechadas e sem a presença da imprensa ou assessores.

Rillo foi denunciado ao Conselho pelos três vereadores citados acima, após chamar de “canalha” o posicionamento dos 12 vereadores que votaram contra o Projeto do Executivo que criava o Conselho Municipal da Diversidade Sexual.

O Conselho de Ética da Câmara é formado por Anderson Branco, Bruno Marinho e Celso Peixão, que vão analisar na próxima semana se o pedido de Rillo será aceito ou não.

Por Andressa ZAFALON