Retorno da Saidinha registra 70 presos foragidos em Rio Preto

Os detentos que não retornaram à penitenciária no prazo estipulado são considerados foragidos da Justiça

Terminou na tarde de segunda-feira (20) a saída provisória beneficiada para 1.615 detentos de Rio Preto.  Do número total de reeducandos 70 deles não retornaram para o Centro de Progressão Provisória de Rio Preto no horário limite e são cosiderados foragidos da Justiça. 

O benefício que iniciou às 6h da manhã da última terça-feira (14) teve seu encerramento às 16h da segunda-feira e 4% dos detentos não retornaram por vontade própria e por isso serão procurados e perderão seu privilégio de regime semiaberto, caso sejam capturados. 

Dhoje Interior

As 42 mulheres detentas que também foram favorecidas estão inclusas nos 1.545 retornos aos centros.

Fora Rio Preto a Penitenciária de Riolândia também registrou dois foragidos. Na cidade 30 detentos foram beneficiados, 27 retornaram por vontade própria e um se apresentou no Centro de Progressão Penitenciária de Rio Preto para onde já teriam registrado sua mudança dias antes da saída. 

Colaborou – Bruna MARQUES – Redação Jornal DHoje Interior