Policia Ambiental apreende 244 aves silvestres e aplica multa de R$ 867 mil

O 4º Batalhão de Polícia Ambiental apoiou uma equipe do policiamento rodoviário de Araraquara nesta segunda-feira (20), a qual havia abordado um veículo Fiat Siena, transportando grande quantidade de aves silvestres nativas no porta-malas do veículo.

O infrator transportava as aves do estado de Minas Gerais com destino à cidade de São Paulo, contendo 211 pássaros pretos; 11 canários da terra; três araras Canindé, sendo uma adulta e dois filhotes e 19 filhotes de papagaios verdadeiros. Todos acondicionados em caixas pequenas e transportes para aves, em condições de extrema precariedade, sem água e comida, amontoados, agravados pela longa distância da viagem, configurando maus tratos.

Dhoje Interior

O envolvido declarou que trabalha como motorista de aplicativo e alegou ter sido contratado por uma pessoa para buscar as aves, não identificando tanto o contratante como fornecedor das aves.

Desta forma, foi elaborado Autos de Infração Ambiental, por transportar animais da fauna silvestre nativa, com multa simples no valor de R$135.500 e o Auto de Infração Ambiental por praticar ato de maus tratos a animais silvestres, com multa simples no valor de R$732 mil.

O veículo foi apreendido e depositado na sede do 2° PEL (Pelotão) em Araraquara. As aves serão reintroduzidas no habitat, exceto os papagaios verdadeiros e as araras Canindé, as quais serão adequadamente destinadas por serem filhotes.

As oito gaiolas de transporte serão destruídas.

Da Redação