Pai e filho são baleados após discussão no Jardim Jéssica

A Polícia Civil foi acionada na noite de terça-feira por volta das 19h15 depois que pai e filho tiveram uma discussão com um auxiliar geral e acabaram sendo baleados.

Os dois foram alvejados quando tentavam fugir de carro, perderam o controle do veículo e bateram em um muro cerca de 400 metros adiante do ocorrido, no bairro Jardim Jéssica

Dhoje Interior

Ao chegarem no local os policiais notaram que os dois envolvidos já haviam sido socorridos pela equipe de resgate e encaminhados para o Hospital de Base. Em nota enviada pelo hospital foi dito que os pacientes estão na UTI e que a instituição não tem autorização dos familiares para comentar sobre o caso.

Segundo o encarregado do resgate, o filho apresentava dois tiros no tórax e um na região da lombar, enquanto o pai apresentava ferimentos no tórax e no queixo. 

Em busca por provas os policiais encontraram no interior da casa de um auxiliar geral de 21 anos próximo ao portão um projetil que foi fotografado e apreendido.  

Em seu depoimento o auxiliar afirmou que em uma data que não recorda teria se desentendido com a dupla e que após o ocorrido ele teria sido ameaçado de morte. Na manhã dessa terça-feira os dois homens foram até sua casa e seu pai comentou que ele não estaria na residência até o fim do dia. 

Por volta das 19h a dupla voltou ao imóvel, desta vez jogando tijolos na casa, e ao se aproximar para tentar dialogar pai e o filho começaram a ameaça-lo e atingi-lo com tijoladas. Ao fugir para dentro da residência viu seu pai sair em direção a dupla com uma arma na mão sendo que o homem mais velho tentou se aproximar com uma faca na mão, logo em seguida pode-se ouvir os disparos. 

A dupla ferida subiu no carro e tentou fugir perdendo o controle e atingiru o muro.

Colaborou – Bruna MARQUES – Redação Jornal DHoje Interior