Menina que sonha em ser policial ganha festa de moradores de Tanabi e farda da PM

Alana foi presenteada com uma farda da PM

A pequena Alana de Oliveira Alves dos Santos ganhou uma festa de aniversário de 5 anos muito especial neste sábado (23) em Tanabi. Moradores da cidade organizaram uma comemoração para ela, que contou até com a presença dos PMs, já que o sonho de Alana é ser policial.

Alana é portadora de necessidades especiais, tem mielomeningocele e hidrocefalia. Ela possui outros cinco irmãos e se mudou para Tanabi recentemente. Por cuidar de seis filhos e ser separada Carmen Lúcia de Souza Oliveira, mãe de Alana, não tinha condições de realizar uma festa de aniversário para a filha. Foi neste momento que a vizinha da família Rosieli Renesto decidiu preparar uma surpresa.

Dhoje Interior

“Por morar perto, nós acabamos criando um vínculo com a família da Carmen e quando soube que a Alana nunca tinha assoprado uma velinha de aniversário isso me cortou o coração. Então conversei com minha mãe e amigas para organizarmos uma festa para ela”, afirmou Rosieli.

Através de doações, Rosieli conseguiu um espaço para organizar a comemoração, além de algodão doce, cachorro quente, bolo, salgadinho, a decoração. Mas o mais especial foi a participação da Polícia Militar no evento. Segundo a mãe, Alana tem o sonho de ser policial. “Ela sempre foi fascinada pelas luzes e pelo barulho das viaturas”, contou Carmen.

No dia da festa, policiais de Tanabi compareceram no aniversário e levaram a pequena Alana para um passeio de viatura. Eles também deram uma farda para menina, que se emocionou ao receber o presente.

“Nós fomos procurados para ver a possibilidade de participar dessa festa e os comandantes autorizaram. Todos os policiais ajudaram a comprar a farda com o nome da Alana. Ela gostou muito e para nós também foi gratificante. Quando uma criança manifesta o desejo de ser policial a gente vê que é um sentimento sincero”, afirmou a cabo da polícia militar Rosangela de Souza Mendes.

“Agradeço de coração todo mundo que participou. Sempre tive o sonho de fazer uma festa para ela, mas não tinha condições. A Alana ficou muito feliz com surpresa”, comentou a Carmen.

Por Vinicius LIMA – redação Jornal DHoje Interior