Jovem rouba comerciante, conta vantagem em grupo de app e acaba preso pela PM

Depois de usar um simulacro de arma de fogo para roubar R$ 67 e cinco maços de cigarros de uma comerciante, de 39 anos, no bairro São Marcos, em Guapiaçu, o desempregado G.P.J., 19, passou a se vangloriar do crime em grupo de whatsapp.

A Polícia Militar foi acionada pela vítima, que exibiu as imagens de circuito interno de segurança da sua pousada.

Dhoje Interior

A guarnição reconheceu o suspeito, já conhecido nos meios policiais, e passou a procurá-lo, descobrindo que ele estaria em um hotel nas imediações da rodoviária de Rio Preto.

Por volta da 0h30 desta sexta-feira, o acusado foi detido no cruzamento das ruas Pedro Amaral e Voluntários de São Paulo.

Ele confessou o crime. O dinheiro e os cigarros foram encontrados no quarto onde o indiciado se hospedou e entregues à comerciante.

No Plantão, o delegado converteu a prisão em flagrante em preventiva. J. está na carceragem da DIG/Deic, onde deve aguardar decisão judicial.

Daniele JAMMAL