Idosa cai em golpe do falso sequestro e perde mais de R$ 5 mil

Uma idosa de 70 anos, moradora de Rio Preto, teve um prejuízo de R$ 5.600 mil ao cair no golpe do falso sequestro. A vítima contou à Polícia Civil ter recebido um telefonema de um homem neste domingo (22), que afirmava ter sequestrado o filho dela.

Do outro lado da linha um homem gritava “Mãe, mãe, me socorre”. A vítima perguntou quem estava falando e o homem respondeu “aqui é seu filho, o André”.

Dhoje Interior

Segundo o boletim de ocorrência, o golpista falou para a vítima desligar o telefone fixo e ligar o celular, mas ele não tinha o número. A aposentada informou o número e homem ligou em seu celular, de um número privado. Ela contou aos policiais que a todo momento, o homem ameaçava matar seu filho, caso não cumprisse as ordens dele. Durante a ligação, a idosa acabou passando varias informações como o local onde mora e características de seu veículo, incluindo a placa. O estelionatário também perguntou se ela tinha dinheiro em casa e ela respondeu que tinha apenas R$ 300 e uma corrente de ouro. Ele, então, ordenou que a vítima colocasse o dinheiro e a joia em um envelope e seguisse até uma agência bancária.

Ainda de acordo com o registro policial, no banco, a aposentada realizou uma transferência no valor de R$ 3 mil para a conta indicada pelo bandido e fez três saques – um de R$ 1.500, outro de R$ 600 e outro de R$ 500. O tempo todo conversando com a aposentada pelo telefone, o homem falou para que ela saísse da agência bancária e entregasse o envelope para um homem que estaria esperando. O homem se aproximou e disse “vim buscar a encomenda”. Após pegar o envelope, ele foi embora a pé.

O outro bandido manteve a idosa na ligação e ela só percebeu que havia caído em um golpe, quando o homem disse que só libertaria o filho quando ela entregasse as joias que tinha em casa. O bandido afirmou que o filho tinha revelado que ela tinha várias joias guardadas, porém, além de não ter joias, o filho dela sabe disso.

A aposentada foi até a Central de Flagrantes, onde foi registrado o caso como extorsão. Ela descreveu o golpista como aparentando ter 28 anos, pardo, olhos castanhos, cabelo liso castanho claro e aproximadamente 1,75 de altura. Ele vestia calça jeans e camisa polo amarela.

Tatiana PIRES – Redação Jornal DHoje Interior
E-mail: [email protected]