Homem é preso após bater na mulher com martelo e tentar suicídio

Um auxiliar geral de 42 anos foi preso no início da noite desta sexta-feira (4) após agredir a mulher dele e desferir golpes com um martelo. O crime aconteceu na residência do casal, na Estância Cavalari, em Rio Preto. A intenção do homem era matar a companheira e, em seguida, se suicidar.

A Polícia Militar foi acionada e ao chegar à casa, a vítima estava sendo socorrida por uma equipe do Resgate e levada para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) Norte, onde permaneceu em observação. Ela tinha um corte na região da cabeça e muito sangue escorria por sua face.

Dhoje Interior

Segundo informações do boletim de ocorrência, a vítima contou à polícia que o homem, com quem mantinha união estável, não aceitava o fim do relacionamento.

Os policiais foram informados por vizinhos que o agressor estava tentando se matar. Ao se dirigirem para o fundo da casa se depararam com o homem desolado sentado no chão. Ele apresentava marcas e enforcamento na região do pescoço. Um vizinho viu que ele tentava se enforcar e chegou a tempo, conseguindo cortar a corda, antes que ele concluísse o ato.

Conduzido à Central de Flagrantes, o auxiliar geral confirmou que havia agredido a mulher com a intenção de matá-la. Ele foi preso em flagrante por violência doméstica e tentativa de homicídio, permanecendo à disposição da Justiça. O martelo e o pedaço de corda foram apreendidos e encaminhados ao IC (Instituto de Criminalística).

Tatiana PIRES – Redação Jornal DHoje Interior
E-mail: [email protected]