GCM prende homem por agredir e tentar enforcar a mulher

Um homem, de 27 anos, foi preso pela Guarda Civil Municipal (CGM), após agredir a mulher, de 41 anos,  nesta sexta-feira (10), na residência do casal, no bairro Floresta Parque, em Rio Preto.

De acordo com o boletim de ocorrência, logo que acordou, o homem iniciou uma discussão com a mulher e passou a agredi-la com socos. Em certo momento, ele tentou enforcá-la. Para se defender, a vítima mordeu o dedo do marido.

Dhoje Interior

A mulher ligou para a GCM, por meio do telefone 153. O agressor foi preso em flagrante Ele confirmou que discutiu com a mulher, mas negou a agresão, dizendo que somente se defendeu da mordida desferida por ela. Aos guardas, a mulher contou que conheceu o companheiro pela Internet e que mantém um relacionamento conturbado com ele há sete anos. O casal tem dois filhos.

O CRAM (Centro de Referência de Atendimento às Mulheres) também fez o atendimento e encaminhou a vítima e os filhos para um abrigo.

O homem foi levado à Delegacia de Defesa da Mulher (DDM), preso, está à disposição da Justiça. Ele responderá por violência doméstica e lesão corporal.

Medida Protetiva

Na quinta-feira (9), uma mulher também acionou a GCM quando o ex-marido invadiu a casa da mãe dela. Ao chegar à residência, no Parque Industrial, os guardas encontraram o agressor na calçada. Ele exigia que a ex-mulher conversasse com ele e entregasse a chave da casa onde ele morava.

A vítima possui uma medida protetiva que impede que ele se aproxime dela e, inclusive, é acompanhada pela Patrulha Maria da Penha – serviço realizado pela GCM que visita mulheres que possuem medida protetiva com o objetivo de verificar se a determinação judicial está sendo cumprida e se a vítima necessita de algum apoio.

Por Tatiana PIRES – Redação Jornal DHoje Interior