Faxineira denuncia ex-marido por agressão

Uma faxineira, de 23 anos, procurou a Polícia Civil na noite desta quarta-feira (15) para denunciar que seu ex-marido a agrediu.

De acordo com o boletim de ocorrência, eles tiveram dois filhos e depois que se separaram, há 10 meses, ficou estipulado que as visitas seriam quinzenais, no entanto, desde o início da pandemia o ex-marido tem ido até a casa dela “no dia que quer”. Eles tiveram uma discussão porque ele quis levar só um dos filhos argumentando que o outro estava chorando. A faxineira não concordou.

Dhoje Interior

Durante a discussão, o homem desferiu dois tapas no rosto, causando ferimento na boca da vítima. O agressor ainda disse que “iria matar todo mundo”. A faxineira contou à polícia que essa não é a primeira vez que é agredida, mas que não havia feito denúncia anteriormente.

O caso foi registrado, na Central de Flagrantes, como violência doméstica, lesão corporal e ameaça. A vítima foi orientada à procurar a Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) para solicitar medida protetiva.

Tatiana PIRES – Redação Jornal DHoje Interior