Engenheiro é preso após agredir ex-sogros em um bar na Redentora

Um engenheiro civil de 36 anos foi preso após agredir os ex-sogros, uma policial militar de 52 anos e um empresário de 53  anos. O flagrante acontece neste domingo (15), no bairro Redentora, em Rio Preto.

Segundo o boletim de ocorrência, a ex-mulher do engenheiro, que já tinha uma medida protetiva, estava desconfiada que o carro dela possuía rastreamento e que o ex-marido estava fazendo uso das informações para saber os locais que ela frequenta. Para esclarecer a desconfiança, a mulher pediu que os pais dela saíssem com o carro.

Dhoje Interior

O casal foi até um bar e momentos depois o engenheiro chegou. Ele admitiu ao casal que o carro da ex possui rastreamento e eles iniciaram uma discussão. Segundo o apurado pela Polícia Militar, o empresário teria tentado desferir um golpe usando um capacete no engenheiro, que revidou com um soco, causando lesões em seu rosto. Neste momento, ele tentou sair do local e a ex-sogra tentou impedir, sendo empurrada por ele, sofrendo leões.

Um agentes da GCM (Guarda Civil Municipal), que estavam próximo, viram a briga e seguraram o engenheiro até a chegada da Polícia Militar. O agressor foi encaminhado à Central de Flagrantes, onde permaneceu preso a disposição da Justiça.

Registrado como lesão corporal, violência doméstica e descumprimento de medida protetiva, o caso será encaminhado para a DDM (Delegacia de Defesa da Mulher).

Tatiana PIRES – Redação Jornal DHoje Interior
E-mail: [email protected] an