Conselho técnico define novo formato para Paulistão feminino

Foto: Andrey Queiroz

A Federação Paulista de Futebol (FPF) realizou nesta sexta-feira (28) o conselho técnico para realização do Campeonato Paulista Feminino. Com quatro clubes a menos (Caldeirão de Piracicaba, Portuguesa, União Mogi e Inter de Francana desistiram de participar), o regulamento foi alterado para disputa desse ano. Antes, as 16 equipes jogariam todas contra todas em turno único, com as oito melhores avançando para o mata-mata. Agora, os 12 times participantes serão divididos em dois grupos de seis, onde quatro de cada grupo avançam para o mata-mata.

Representante da região, o Realidade Jovem ficou no grupo 1 com Ferroviária, Palmeiras, Red Bull Bragantino, Taboão da Serra e São Paulo. O outro grupo ficou com Corinthians, Santos, Juventus, Nacional, São José e Taubaté.

Dhoje Interior

“Foi realizada uma votação e definimos que das outras formas apresentadas seriam mais complicadas. Serão cinco jogos, só para não ficarmos sem jogar e achei bacana. Será difícil, pois teremos uma equipe muito nova e enfrentaremos potências do futebol feminino”, afirmou Doroteia Inojo, diretora do Realidade Jovem de Rio Preto.

Além disso, ficou definido que os quatro clubes eliminados na segunda fase estarão classificados para Copa Paulista feminina. A FPF irá custear os testes para todos os clubes antes do início da competição e o transporte de clubes mandantes que não puderem atuar em suas sedes.

Depois de fazer parcerias com o Rio Preto Esporte Clube e a Ponte Preta nas temporadas anteriores, esse será a primeira competição do Realidade Jovem como time independente. O elenco contava com 21 jogadoras e a expectativa é mantê-las neste retorno das atividades.

Por Vinicius LIMA – redação Jornal DHoje Interior