Confira ‘Nos Bastidores da Política’ deste sábado (05)

Foto- Ivan Feitosa SMCS

Prefeita ameaçada

A prefeita eleita de Bauru, Suéllen Rosim (Patriota), veio a Rio Preto ontem para conhecer alguns projetos que estão em andamento e outros já em pleno funcionamento. Acompanhada do secretário de Serviços Gerais, Ulisses Ramalho, Suéllen visitou o Anel Viário, a Estação de Tratamento de Água, o Semae, o Partec e a Usina de Reciclagem. No Partec (Parque Tecnológico), a bauruense recebeu esclarecimentos sobre o funcionamento do centro de incubadora de empresas do vice-prefeito eleito Orlando Bolçone (DEM). A prefeita eleita ganhou espaço na grande mídia nos últimos dias por receber ameaças de morte na rede social de alguns ‘tresloucados’ inconformados com a sua vitória, por ser a primeira mulher e negra a sair vitoriosa nas urnas para comandar Bauru. Suellén fez uma visita de cortesia ao prefeito Edinho Araújo (MDB), que a recebeu no seu Gabinete. Ambos aparecem na foto.

Dhoje Interior

Não cabe…

O secretário Ulisses Ramalho, que também é presidente municipal do Patriota, sigla da prefeita eleita de Bauru, informou que o assunto de ameaças de morte não foi abordado durante a visita de Suéllen Rosim. “Esse tipo de coisa (ameaças de morte) já não cabe mais neste mundo”, ressaltou. A visita da bauruense, ainda de acordo com ele, além de conhecer a real estrutura administrativa de Rio Preto, também foi motivada porque a direção estadual do Patriota, comandado por Ovasco Resende, está sediada em Rio Preto.

Receita caseira

Dando continuidade as nomeações do futuro secretariado, o prefeito reeleito Edinho Araújo (MDB) divulgou na tarde de ontem mais cinco nomes para compor a equipe de primeiro escalão do novo governo, que começa em 1º de janeiro. Com algumas alterações de pastas, todos já fazem parte do atual quadro de secretários: Luís Roberto Thiesi deixa a Administração para ocupar a Procuradoria-geral do Município, e o atual procurador-geral Adílson Vedroni será descolado para comandar a pasta da Administração.  

Mais nomeação

Para a Secretaria de Comunicação, o prefeito vai reconduzir ao cargo o jornalista Mário Soler, que havia sido desligado da pasta para atuar na campanha eleitoral. A novidade é a indicação do funcionário de carreira Martinho Ravazzi Neto para comandar a Secretaria da Fazenda. O atual secretário da Fazenda, Ângelo Bevilacqua, vai para a presidência da Empro (Empresa Municipal de Processamento de Dados). Martinho já foi secretário da pasta no governo do então prefeito Liberato Caboclo, no final da década de 1990. 

Nove indicados

O prefeito já nomeou nove para o primeiro escalão da futura administração. Anteontem, havia nomeado o vice-prefeito eleito Orlando Bolsone (Planejamento), Israrel Cestari Júnior (Obras), Aldenis Borim (Saúde) e Nicanor Batista Júnior (Semae). O governo é composto por 20 secretarias e mais 10 cargos de primeiro escalão, por exemplo, Semae e Empro. Os indicados até agora são para pastas técnicas. Mas já tem postulantes de olhos arregalados temendo ficar de fora da futura equipe. Com razão, não tem espaço para todos.

Manter nível

O presidente da Câmara, Paulo Pauléra (PP), declarou que as mudanças executadas pelo prefeito reeleito Edinho Araújo (MDB), no primeiro escalão, até agora foram acertadas. Segundo ele, todos têm currículos com prestação de serviços no setor público e estão capacitados para executarem com competência suas novas funções. “Foram escolhas técnicas, de profissionais capacitados, não é receita raseira, mas para manter o nível”, pontuou, se referindo que a atual equipe fez a lição de casa para o bom desempenho do governo.

Sem blindagem

Os vereadores devem votar ainda este ano projeto de Renato Pupo (PSDB) que obriga todo secretário a comparecer duas vezes no ano com o objetivo de prestar esclarecimentos à Câmara. Atualmente, só o secretário da Saúde é obrigado a prestar os esclarecimentos sobre assuntos relacionados a pasta. “A minha proposta estende para todos (secretários)”, explicou. Pupo disse que decidiu propor a mudança porque sempre há resistência quando vota pedido de convocação de secretário, que acaba blindado por parte do plenário.

Destaque nacional

O secretário de Governo, Jair Moretti (foto), foi a Fortaleza na última quinta-feira, capital do Ceará, para receber prêmio em reconhecimento à boa gestão que está sendo implementada no Regime Próprio de Previdência Social do Município (Riopretoprev). Moretti, que também é superintendente do instituto, disse que o Riopretoprev ganhou destaque de primeiro lugar da Associação Brasileira de Instituições de Previdência (Abipem) por praticar gestão responsável no controle financeiro da instituição, responsável pela garantia do pagamento das atuais e das futuras aposentadorias e pensões dos servidores municiais. Antes, diz Moretti, o instituto já havia recebido dois prêmios pela boa gestão e também pela sustentabilidade financeira para bancar as despesas com a folha de pagamento dos inativos. “Ganhar o prêmio de primeiro destaque nacional é sinal que está indo muito bem”, ressaltou. 

Por Venâncio de MELLO – Redação jornal DHoje Interior