Comerciante vai parar na delegacia após ficar devendo para garotas de programa

A Polícia Militar foi acionada na noite deste sábado (12) por conta de um ‘desacordo comercial’ no bairro Parque Industrial em Rio Preto.

Chegando no local, a Polícia constatou que a discussão era porque duas garotas de programa queriam receber o pagamento pelos serviços prestados a um cliente, um comerciante de 56 anos.

Dhoje Interior

Segundo o Boletim de Ocorrências, o homem teria pago os serviços da primeira garota, que ficaram no valor de R$6 mil, com um cheque e quando a garota foi descontar, o mesmo não tinha fundos.

Outra garota de programa, que também estava no local, também estava cobrando pelos serviços prestados, alegando que teria passado o dia com o comerciante e teria cobrado R$5 mil. Ele teria pago, inicialmente, R$500,00 com cartão de crédito e o restante iria dar um cheque. No entanto, a primeira garota de programa informou a segunda que o homem já teria feito esse tipo de pagamento a ela, mas o cheque não havia sido compensado, com isso, a segunda garota de programa recusou a mesma forma de pagamento, o que gerou a discussão e Polícia foi acionada.

No Plantão, o homem confirmou os fatos e disse que irá pagar pelos serviços prestados. Um BO foi elaborado para preservar outros futuros ‘desacordos comerciais’.

Por Andressa ZAFALON