Canil da GCM se apresenta neste sábado no Calçadão de Rio Preto 

Imagem Divulgação

Como já vem sendo noticiado por vários veículos de comunicação, o calçadão de Rio Preto vem passando por um momento crítico, onde os comerciantes estão desanimados com as vendas baixas e, pior que isso, com a alta demanda de pessoas em situação de rua, principalmente o caso de dependentes químicos, que inibem os consumidores a frequentarem as lojas da região central. 

Pensando em melhorar e, de fato, resgatar a tradição do comércio, Sincomercio e Acirp se uniram em apoio aos comerciantes promovendo neste sábado, 2, na Praça Dom José Marcondes, a primeira ação com este objetivo. 

A GCM (Guarda Civil Municipal) irá fazer uma apresentação do canil, com o espetáculo “Dog Show”, que conta com a participação dos cães Luna, Zé e Kyara. O evento começará a partir das 10h e, após a apresentação, o público poderá interagir e tirar fotos com os dogs da GCM. Além da apresentação do canil, haverá distribuição gratuita de pipoca, algodão doce e raspadinha para o público presente. 

“É a primeira ação que estamos fazendo na Praça Dom José Marcondes e o objetivo é resgatar a vinda do consumidor ao calçadão. Com isso, estamos tentando alinhar a utilização do espaço público, que foi reformado e estava ocioso, para promover apresentações e ações pontuais, pelo menos uma vez ao mês, com o único intuito de incentivar o consumidor a voltar a frequentar o calçadão”, ressalta o vice-presidente do Sincomercio, Ricardo Ismael.

Walter Carrazzone, diretor de comércio da Acirp, ainda frisou que as ações previstas para acontecerem no coração de Rio Preto valorizarão ainda mais o Calçadão.

“Nosso intuito é que consumidores de todo o entorno, de cidades vizinhas inclusive, voltem a consumir nas lojas da área central e tragam sua família para passear. Temos comerciantes com produtos diversos e estoques a preços atrativos. A economia está caminhando para sua recuperação pós pandemia e esta movimentação do Calçadão é importante porque, além de promover as lojas, ajuda a diminuir questões mais críticas ligadas à segurança. Nossa cidade merece o retorno de seu público ao espaço histórico de sua área central. As ações para atrair os rio-pretenses e toda a região estão apenas começando, e vamos fazer com que o centro volte a pulsar como antigamente”.