Câmera de vizinho esclarece furto em residência

As imagens do circuito de segurança de um vizinho ajudaram G.A.S.S.B., morador no Solo Sagrado, Região Norte de Rio Preto, a descobrir que havia sido furtado pelo servente J.J.F.P., 21.

O acusado trabalha em uma obra em um terreno nos fundos da casa da vítima, de onde furtou R$ 300 em dinheiro, dois relógios de pulso e um notebook, após pular muro.

Dhoje Interior

O crime aconteceu na quinta-feira, mas só na manhã seguinte é que B. percebeu o desaparecimento dos objetos e procurou a base da PM no bairro para registrar queixa.

Detido, P. confessou o furto, alegando que gastou o dinheiro para comprar drogas e vendeu o computador por R$ 200 para J.R.F.F., morador no Jardim Astúrias.

Os relógios foram apreendidos em estante no quarto do servente e o notebook encontrado escondido em uma residência do bairro São Jorge. Sogro de P., o mestre de obras M.G.M. ressarciu para a vítima os R$ 300.

No Plantão Policial, o servente foi indiciado por furto, mas não ficou preso porque escapou do flagrante.

Já F., autuado por receptação, pagou fiança de R$ 2 mil e vai responder ao processo em liberdade.

Por DJ