Câmara vota, em segunda discussão, inclusão de áreas ao perímetro urbano

Serão mais de dois milhões de metros quadrados inclusos no perímetro urbano (Foto: Ygor ANDRADE)

Nesta terça-feira (3), a Câmara Municipal de Rio Preto vota 10 itens em sua ordem do dia. Desses, sete foram enviados pelo Executivo Municipal.

Na pauta, cinco projetos de Lei Complementar referentes à incorporação de cinco áreas ao perímetro urbano do município. Esses cinco itens farão com que a cidade aumente seu território em 2,4 milhões de metros quadrados, gerando uma contrapartida de mais de R$ 11 milhões destinados ao Fundo de Desenvolvimento Sustentável.

Dhoje Interior

A inclusão dos terrenos foi aprovada em primeira discussão na sessão da última terça-feira (27) e será discutida novamente nesta terça.

Em primeira discussão, do vereador Celso Peixão (PSB), pedido de isenção do pagamento de taxa de utilização dos velórios da cidade às famílias que fazem uso do serviço gratuito funerário.

Do Executivo também há dois Projetos de Lei em segunda discussão. O primeiro autoriza a cidade a aderir projetos ou programas com o objetivo de desenvolver valores humanos e a formação de caráter na Educação Infantil. E o segundo, que estabelece períodos para a realização de concursos ou processos seletivos para provimento de cargos, empregos públicos, funções e vagas de estágio no âmbito do município.

Encerrando a ordem do dia, o projeto de Resolução da vereadora Márcia Caldas (PPS) que regra o recolhimento de pilhas e baterias usadas na Câmara Municipal, e o do vereador Jean Dornelas (PSL), que constitui a Comissão Especial de Vereadores (CEV) do Procon Municipal.

Por Ygor Andrade