ÁREA AZUL: Taxa de pós-utilização começa a ser cobrada hoje

Após 25 dias de testes e intensa campanha de orientação no Centro e no bairro Redentora, começa hoje, dia 5, a cobrança da pós-utilização – ferramenta que permite ao usuário notificado por falta de tíquete ativo regularizar a situação e evitar a multa de R$ 195,23.

Antes de gerar a pós-utilização, os fiscais do estacionamento rotativo vão emitir um aviso de tolerância de cinco minutos que é afixado no para-brisas do veículo. O sistema também gera um aviso no aplicativo e por e-mail (para os usuários cadastrados no sistema digital).

Dhoje Interior

A pós-utilização custará o equivalente a três vezes o valor regular do tempo máximo de permanência nas vagas, ou seja, R$ 12 no Centro e R$ 18 no bairro Redentora.

Após serem notificados os motoristas terão prazo de duas horas úteis para pagar pós-utilização. Esse valor poderá ser pago pelo site, pelo aplicativo E-Digital ou em um dos cinco pontos de atendimento da Emurb (Poupatempo, Mercadão, Guichê de Informações da Rodoviária, Guichê na Praça Rui Barbosa e Secretaria de Trabalho e Emprego – Rua Ondina, 216, Redentora).

Desde o início do mês os usuários da Área Azul Digital, contam com a possibilidade de fracionar o uso das horas adquiridas pelo aplicativo E-digital.

Os agentes da GCM estão autorizados a multar os motoristas que não retirarem o veículo da vaga após o tempo regulamentado. No comprovante gerado pelo fiscal, constam orientações para que o veículo seja retirado da vaga após transcorrido o tempo do tíquete, assim como um alerta para a possibilidade de autuação.

Usuários do sistema E-Digital (App e Portal) serão notificados sobre o tempo de tolerância e sobre a emissão de pós-utilização via e-mail e aplicativo. Também serão colocadas versões imprensas dessas notificações no para-brisas dos carros.

Fracionamento

De acordo com o presidente da Emurb, Rodrigo Juliano, mais de 2 mil pessoas por dia utilizam as horas fracionadas.

Com o fracionamento, o motorista que precisa estacionar por um curto período, poderá utilizar apenas uma hora, pelo custo de R$ 2, para deixar o carro na vaga do rotativo.

Além disso, o acionamento só poderá ser feito por aplicativo, pelo Portal do Cidadão, em um dos pontos de venda (credenciados e próprios da Emurb) ou ainda com qualquer um dos fiscais de rua.

Da REDAÇÃO