Após videoconferência, presidente do Jacaré defende o fim da A3

A Federação Paulista de Futebol (FPF) realizou na última semana uma videoconferência com representantes dos 16 clubes da série A3 do Campeonato Paulista. Em um comunicado oficial publicado pela entidade foi definido que a competição será finalizada dentro de campo. Para o presidente do Rio Preto, José Eduardo Rodrigues, o fim do campeonato seria a melhor opção.

“A posição do Rio Preto sempre foi contra a retomada do campeonato devido ao momento de incertezas que estamos vivendo e a condição financeira dos clubes. Infelizmente, a cobrança à Federação acabou sendo esquecida e a reunião teve um desfecho lamentável”, comentou. De acordo com o mandatário do Jacaré, apenas São Bernardo, Olímpia e Grêmio Osasco apoiaram o Rio Preto na decisão.

Dhoje Interior

Em entrevista ao DHoje no dia 18 de março, Rodrigues afirmou que o clube poderia ter um prejuízo de até R$ 300 mil com a suspensão temporária da A3. “No nosso entendimento, seria mais sensato definir o acesso do Noroeste e do São Bernardo, que eram os clubes que tinham as melhores campanhas. Não há condições de voltar, já que muitas equipes já se desfizeram de seus elencos”, afirmou.

Faltando quatro rodadas para terminar a primeira fase, o Rio Preto estava na 9ª posição com 13 pontos. O último jogo do esmeraldino foi no dia 13 de março contra Grêmio Osasco fora de casa. Na ocasião, o Jacaré acabou derrotado por dois a zero.

Vinicius Lima