APÓS CONSULTAR PAIS: Escolas municipais suspendem volta às aulas do ensino fundamental

Após realizarem reuniões com os pais dos alunos nesta terça-feira (3), as escolas municipais de Rio Preto decidiram optar pelo não retorno das aulas presenciais do ensino fundamental 2 (6° ao 9° ano).

Ao todo, quatro escolas possuíam essa faixa de ensino. São elas, nos seguintes bairros: Michel Pedro Sawaya – Cristo Rei, Luiz Jacob – São Francisco, Roberto Jorge – Gonzaga de Campos e Darcy Ribeiro – Jardim Santo Antônio.

Dhoje Interior

“No nosso conselho todos os pais votaram contra o retorno. A maioria tem muito receio da pandemia e acha melhor aguardar um vacina, sem contar que já estamos no final do ano praticamente”, afirmou o diretor da escola Darcy Ribeiro, Fábio de Souza Macri. As aulas remotas continuam a ser realizadas.

“O Comitê Gestor de Enfrentamento ao coronavírus definiu que os conselhos teriam competência para tomar essa decisão. Nessa reunião, os pais se pautaram na segurança dos alunos e no fato de restarem apenas 33 dias letivos. Por esse motivo, optamos pela manutenção das aulas remotas até o fim do ano”, comentou a diretora da escola Michel Pedro Sawaya, Sirley Faile de Deus.

A Secretaria de Educação do município autorizou a retomada das aulas a partir do dia 3 de novembro. As escolas particulares ainda estão em processo de definição sobre esse retorno. As unidades da rede estadual retomaram em 219 municípios do Estado de São Paulo, mas em Rio Preto não há ainda uma decisão.

Para os anos finais dos ensinos fundamental e médio, o limite máximo é de 20% da capacidade. Na rede estadual, só é permitido o atendimento de até 20% em todas as etapas.

Por Vinicius LIMA – redação Jornal DHoje Interior