Votuporanga: Prefeitura inicia campanha de prevenção à Aids junto à ONG LGBT

Iniciativa Secretaria de Direitos Humanos conta com o apoio da Secretaria da Saúde, Associação Liberdade de Amar e entidades

A Prefeitura de Votuporanga, por meio da Secretaria de Direitos Humanos, iniciou nesta semana uma campanha de conscientização sobre o uso de preservativo. Este já é o quarto ano de intensificação das ações preventivas.

Neste ano, a iniciativa conta com apoio da Secretaria da Saúde, que cedeu mais de 6 mil preservativos e géis lubrificantes para serem distribuídos na campanha promovida pela Secretaria de Direitos Humanos. Além disso, a ONG LGBT “Associação Liberdade de Amar” firmou parceria com a pasta e ajudará na distribuição durante o Carnaval, já que existe uma grande preocupação com o respectivo público em relação às doenças sexualmente transmissíveis e vírus HIV.

Os trabalhos são voltados também aos atendidos e entidades parceiras da Secretaria. Eles começam sempre na semana que antecede o Carnaval e continuam durante todo o ano com distribuição de kits, cada um contendo 10 preservativos, 10 unidades de gel lubrificante e panfleto informativo.

O secretário Emerson Pereira destaca que cada vez mais as pesquisas apontam que jovens, com idade entre 18 a 25 anos, estão sendo infectados. “Muitos saem para curtir o Carnaval e esquecem as consequências. A festa acaba em cinco dias, e os efeitos dela são para a vida toda. Que nossos jovens possam se divertir com consciência, evitando a Aids e gravidez indesejada”, disse.

O presidente da Associação Liberdade de Amar, Everton Lopes Belai, disse que todo apoio recebido da Secretaria de Direitos Humanos é bem-vindo e essencial para a prevenção. “Sem esse apoio, não teríamos suporte e nem poderíamos colocar em prática nosso papel de informar e conscientizar as pessoas. Parabenizo também a pasta, por ter um setor destinado ao atendimento do público LGBT em Votuporanga”, falou.

Também receberão os kits pessoas em situação de rua – como Casa de Estar Mão Amiga e Casa Abrigo Irmãos de Emaús – e atendidas pelas entidades Associação Antialcoólica, Comunidade São Francisco de Assis, Amor Exigente, entre outras.

A Secretaria de Direitos Humanos fica na rua Padre Izidoro Cordeiro Paranhos, 3183, na esquina com a Rua Bahia. O telefone para mais informações é o (17) 3422-2770.

Da REDAÇÃO

SEM COMENTÁRIOS