Viva el México!

COMIDA MEXICANA - Paixão dos brasileiros

A seleção canarinha passou de fase na Copa Do Mundo- Fifa – 2018, e no próximo jogo irá enfrentar a seleção do México. Por isso resolvemos viajar um pouco neste país que nos encanta por vários motivos.

O povo Mexicano se mostra muito empolgado com os jogos da copa, assim como os brasileiros, mas as semelhanças não param por ai, quem já viveu no país, conta que as semelhanças são várias.

Carol Mota foi ao México com o sonho de trabalhar no meio televisivo, após dois anos morando no país, voltou ao Brasil onde teve êxito em sua carreira se tornando influencer digital. Carol conta que o que mais lhe encantou no país foi a fidelidade dos mexicanos a cultura asteca, maia e inca. A jovem ainda diz ver uma semelhança dos povos mexicanos e brasileiros.

“Somos parecidos em relação ao povo, acolhedores, batalhadores e simpáticos. São seres humanos incríveis. Dificilmente você encontra pessoas de mau humor” comentou Mota.
Claro que as diferenças também são grandes, uma delas é a cultura mexicana que tem grande influência de seus antepassados, um ponto forte é o dia dos mortos, que é comemorado como uma festa, com direto a doces, músicas, comida, tudo dedicado aos entes que já faleceram. Eles acreditam que esse único dia no ano, os mortos estão na terra para comemorar com os entes ainda vivos. A gastronomia também apresenta uma diferença, mas que é bem querida aqui no Brasil.

O restaurante Los Mex está no mercado há oito anos, devido a paixão dos donos pela culinária, para um dos sócios Rodrigo Nicoletti é nítido como as comidas mexicanas têm grande aceitação no nosso país, os pratos mais populares são nachos e burritos.

“Vemos preferência por pimentas calabresas em pó, coentro e pimentas no geral, o pessoal gosta muito dos temperos mexicanos”, conta Leonardo Cannizza.

Além da cultura e gastronomia, outro cartão de visita, é a beleza natural que o país possui, alguns exemplos são Tulum e Cancún que atraem milhões de turistas do mundo todo.
O ator e fotografo Eder Carvalho morou em Puebla de Los Angeles por um ano, o motivo, foi um intercâmbio de faculdade. O jovem conta que a beleza do país é marcante, e vê uma semelhança entre Brasil e México, a política e corrupção dos país infelizmente se igualam. Mas como lembrança positiva Éder fala sobre as mulheres mexicanas.

“As mulheres são tão fortes quanto as brasileiras. Resquícios da Frida Khalo ainda reina nas mexicanas. Lutam por igualdade e não tem medo de enfrentar os obstáculos visto que lá o machismo e patriarcado é mais forte que no Brasil”, comenta Carvalho.

Em Rio Preto há uma avenida que homenageia o país México, na Vila América. Apesar dos nomes coincidirem, moradores e comerciantes já deram o palpite, para eles quem passa na fase no duelo é o Brasil.

Diferenças e semelhanças de ambos os países, ficaram em campo, segunda-feira (2), a copa agora entra em fase de mata-mata, ou seja, quem perder, pega o caminho de volta para casa. (Colaboração: Thais Lobato)

 

Da REPORTAGEM

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS