Universidades começam retorno gradual das aulas em Rio Preto

Laboratório de Biomedicina na Unirp durante o retorno

O decreto publicado pela Prefeitura de Rio Preto no dia 24 de setembro autorizou as instituições de ensino superior a retomarem as atividades presenciais a partir desta quarta-feira (7), desde que cumpram as diretrizes do Plano São Paulo. Para alguns cursos, haverá volta de atividades práticas, enquanto outros seguirão com as atividades online.

A Famerp já retomou suas atividades ainda no inicio da semana. Com isso, estudantes dos cursos de medicina, enfermagem e psicologia voltaram com os estágios obrigatórios no Hospital de Base, Hospital da Criança e Maternidade (HCM), além da Rede Municipal de Saúde. “Entendemos que nossos estágios são fundamentais para os serviços de saúde de Rio Preto e para a formação do alunos, por isso vamos seguir a decisão do Plano São Paulo e retomar essas atividades, mas seguindo à risca todos os protocolos de segurança recomendados pelas autoridades”, afirmou Dulcimar Donizeti de Souza, diretor geral da Famerp.

Dhoje Interior

Na Unorp serão retomadas as aulas práticas do 5° ano de odontologia e do 5° ano de engenharia para conclusão de TCC (Trabalho de Conclusão de Curso). “O resto continuará de forma online, até por própria escolha dos alunos e pela responsabilidade nossa em não colocar nossos alunos e professores em contato com esse vírus”, afirmou a diretora da instituição, Ana Paula Casseb.

A Unirp informou que possui três planos de retomada. Por enquanto, o curso de Biomedicina retomou as aulas práticas em laboratórios e os cursos de Nutrição, Psicologia, Fisioterapia e Enfermagem voltaram com os estágios. Para esta semana está prevista a volta dos cursos de gastronomia e podologia, além de outros que voltarão até o fim de outubro. As aulas teóricas de todos os cursos seguem de maneira online.

A Unesp, por meio de nota, informou que não tem data prevista para o retorno de aulas presenciais no câmpus. “As disciplinas de graduação e pós-graduação estão sendo desenvolvidas remotamente, após definição das formas e critérios de organização das atividades por parte de cada um dos Conselhos de Curso. O Comitê Local Covid-19 do câmpus aguarda a nova avaliação do Plano São Paulo do governo estadual, prevista para o próximo dia 9 de outubro, para definir a possibilidade e condições de retorno escolado somente das disciplinas práticas e experimentais que não puderam ser desenvolvidas total ou parcialmente por meio remoto”, diz o trecho.

A Faceres retomou as atividades práticas do curso de medicina no dia 24 de agosto e segue com as aulas teóricas de forma remota. Procuradas, Unip e Unilago não informaram ainda o calendário e protocolos de retorno às aulas.

Por Vinicius LIMA – redação Jornal DHoje Interior