Unirp doa mais de 8 mil fraldas a dois lares de idosos

Foto: Cláudio Lahos

O Centro Universitário de Rio Preto (Unirp) realizou, na manhã desta quinta-feira (25), a entrega de 8.377 pacotes de fraldas geriátricas a dois lares de idosos. As fraldas, arrecadadas em gincana solidária, foram divididas entre o Lar São Vicente de Paulo de Rio Preto e o Lar dos Idosos de Engenheiro Schmitt.

Desde 2011, o Centro Universitário realiza gincanas e atividades solidárias, entre os meses de fevereiro e abril, com o objetivo de aproximar os alunos (calouros e veteranos) e coibir o trote violento. Este ano, além da doação de sangue e da inclusão do nome no cadastro de medula óssea, os estudantes fizeram a doação de fraldas geriátricas.

Dhoje Interior

“Escolhemos essa forma de ajuda, pois vimos na mídia que o pessoal estava precisando”, disse Maria Estela Sanches Borges, professora da área da saúde e coordenadora do curso de Farmácia da instituição de ensino.

Para serem transportadas as mais de 8 mil fraldas, duas saveiros e uma ‘carretinha’ não foram suficientes, o que exigiu mais de uma viagem para pegar todos os produtos doados.
Maria Cleire da Aguiar, gerente financeira do São Vicente de Paulo, frisou que “fralda é uma coisa que sempre precisamos, principalmente no inverno quando o consumo é maior. Temos uma média de 120 a 150 trocas por dia. Toda a doação é bem-vinda. Nosso estoque estava meio que zerando. Fomos para a sociedade pedindo e tivemos esse retorno”.

Paulo Esteve, gerente administrativo do Lar São Vicente de Paulo, aproveitou para agradecer a doação. “Se não fossem essas ações da sociedade, posso falar tranquilamente que não conseguiríamos ficar 83 anos podendo dar um pouco de amor, carinho e atendimento aos nossos queridos idosos. É imensurável a importância dessa ação para nós”, enfatizou.

O Lar dos Idosos de Engenheiro Schmitt atende 55 idosos que fazem o uso de fralda. Por dia, a instituição realiza cerca de 250 fraldas, o que soma 7 mil no final do mês. A presidente do Lar Rita Oczkowski explicou que o estoque de fralda já se encontrava com a luz vermelha.

“As doações são de muita importância, pois são ações como essas que conseguem manter o lar. Vai dar um fôlego. A fralda já tinha acendido a luz vermelha, só tinha para um mês de uso. Com as 4 mil fraldas doadas pela faculdade, temos um estoque a mais de quase um mês. Como não temos outra entidades parceiras, dependemos muito da ajuda da comunidade”, ressaltou.

A professora ainda falou da importância de aliar o ensino à formação humanística. “Sempre costumo dizer que o ensino é um processo. E o nosso objetivo não é só transmitir conteúdo, é também ajudar a formar um cidadão que pensa, que é reflexivo, que tem esse caráter humanístico e isso é muito prazeroso, pois vimos que as pessoas respondem a isso e ajudar o outro é sempre bom”, finalizou.

Serviço
Os interessados em ajudar podem entrar em contato com as instituições pelo telefone 3224-6425 (São Vicente de Paulo) ou pelo whatsapp (17) 9732-1955 (Lar de Schmitt, cujo estoque de leite está entrando no vermelho e precisa de reposição urgente).

Por Leandro BRITO