Thermas dos Laranjais dobra cuidados com higienização por conta do Coronavírus

Preocupados com o bem-estar e saúde de todos o parque aquático Thermas dos Laranjais de Olímpia emitiu um comunicado nesta quarta-feira, dia 18 de março, sobre as medidas de precaução que irão tomar a partir de agora por conta do Coronavírus.

“O Thermas dos Laranjais, preocupado com a Saúde da população de Olímpia e região, de seus colaboradores e de turistas que aqui aportam de todo o Brasil, esclarece que está atento aos desdobramentos relacionados à proliferação do Novo Coronavírus, Covid-19, bem como às recomendações feitas pelos órgãos oficiais de Saúde e que está tomando as seguintes medidas de precaução:

Dhoje Interior

Mudança de horário: a partir de21 de março, o Thermas dos Laranjais funcionará das 8h às 18h; depois das 18h, o parque passará por um processo rigoroso de desinfecção;
Excursões ao Thermas estão temporariamente canceladas;
Sauna ficará temporariamente fechada;
Fechamento da academia três vezes ao dia para limpeza e desinfecção;
Distanciamento entre os visitantes e usuários em filas que se formarem nos brinquedos e em outros setores do parque;
Brinquedos como o Rio Selvagem, que funciona com oito pessoas por vez, passarão a funcionar com número reduzido de pessoas para que seja respeitada a distância entre elas que garanta a não contaminação;
Realização de treinamento das equipes para orientar as pessoas sobre prevenção;
Ampliação da comunicação sobre medidas preventivas e orientações ao público em geral;
Reforço massivo da frequência de limpeza das áreas comuns e demais pontos de contato com os visitantes;
Orientação estrita para que pessoas com qualquer sintoma ligado ao coronavírus (febre, dores no corpo, dificuldade para respirar, tosse e coriza) fiquem em suas casas e procurem orientação médica;
Aumento do número de “dispensers” de álcool gel nos pontos de grande circulação.

O Thermas dos Laranjais reafirma que o seu principal objetivo é preservar a saúde das pessoas e que, para tal, seguirá acompanhando com a máxima atenção os boletins sobre a disseminação do novo coronavírus (Covid-19). Caso sejam necessárias, novas ações poderão ser comunicadas,” afirma o comunicado.

Por Isabela Martins