Startup oferece curso de inglês online e gratuito com mais de 200 aulas

Não há dúvidas de que adquirir fluência em um segundo idioma é essencial para incrementar o currículo e, também, para expandir os horizontes culturais. E neste contexto, a língua mais relevante, seja para ações relacionadas aos estudos, profissão ou lazer, é inquestionavelmente o inglês. Embora não seja o idioma mais falado no mundo,  representa a oportunidade de acesso a uma vasta gama de conteúdos globais. Com as recomendações de distanciamento social e a interrupção de diversas atividades motivadas pela pandemia do novo coronavírus, a startup Kultivi (www.kultivi.com), plataforma gratuita de ensino que conta com mais de 80 cursos em diferentes áreas, oferece um curso completo, com mais de 200 aulas, para quem deseja aprender inglês gratuitamente.

“Desde o início do período de quarentena incentivado pelas autoridades da saúde, a nossa plataforma registrou um aumento bastante significativo no número de novos alunos, e a grande maioria tem buscado os cursos de idioma, especialmente o inglês”, comenta Cláudio Matos, um dos responsáveis da startup Kultivi. Hoje, a plataforma gratuita de ensino conta com mais de 80 cursos em várias áreas do mercado. Além de idiomas, a startup oferece, por exemplo, cursos de empreendedorismo, medicina e voltados ao Enem e à OAB.

Dhoje Interior

A habilidade se comunicar e interagir em inglês, há muito tempo deixou a lista de diferenciais desejáveis para figurar entre os requisitos indispensáveis a diversas profissões e cargos de trabalho. E se a dificuldade em encontrar tempo e oportunidade para iniciar o estudo do idioma ou aperfeiçoar os conhecimentos é um dos maiores impedimentos para os estudantes, as modalidades de cursos online e a distância oferecem uma solução descomplicada com o conforto de estudar em casa, muito válida para período de quarentena e, também, para a correria habitual do dia a dia. “

Optar por um curso online garante não só a facilidade como a autonomia no aprendizado. O aluno consegue praticar e aprender no seu tempo, com a possibilidade de sempre rever o conteúdo completo e escolher a forma de memorizar e treinar que seja mais proveitosa e divertida para ele. Além de ser um método que funciona para todas as idades”, afirma o especialista.

Da Redação