Site de comércio adere a portal do consumidor da Senacon

Canal serve para solucionar problemas entre compradores e vendedores

O portal de e-commerce Mercado Livre passou a integrar o sistema do portal do consumidor. Com a medida, os conflitos entre consumidores e vendedores passam pelo filtro da plataforma, gerida pela Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon).

Além disso, o Mercado Livre assume o compromisso de divulgar o serviço consumidor.gov.br “como um canal voltado para solução alternativa de conflitos de consumo pela internet”, bem como disponibilizar em suas plataformas tecnológicas informações sobre o serviço.

A ideia é reduzir a burocracia na resolução de problemas de forma mais transparente e eficiente. O portal atua com 28 diferentes segmentos de produtos – de imóveis a eletrônicos ou veículos. Por sua vez, a Senacon oferece suporte técnico e tecnológico para o adequado funcionamento da plataforma.

A Senacon monitora os dados das empresas parceiras para aperfeiçoar a gestão da plataforma, da qualidade da informação produzida, bem como das políticas públicas voltadas à melhoria do atendimento aos consumidores.

Fonte: Portal Brasil, com informações do Ministério da Justiça

SEM COMENTÁRIOS