Sindalquim: cláusulas garantem Auxílio Funeral e Acidente

Foto Divulgação

O Sindalquim (Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Fabricação do Álcool, Químicas e Farmacêuticas) conquistou em seus acordos e convenções coletivas cláusulas importantes que dizem respeito ao Auxílio Funeral e o outro uma Indenização em casos de acidentes que deixem o trabalhador parcialmente ou completamente invalido. São duas cláusulas separadas que valem para os trabalhadores das três categorias.

Segundo Luciana Freitas, advogado do Sindalquim, no caso da cláusula do Auxílio Funeral a família do trabalhador tem direito a receber quatro (04) salários nominais do empregado.
Já no caso da outra cláusula da Indenização por Invalidez parcial ou total o valor estipulado é de um (01) salário normativo que será recebido pelo próprio trabalhador acidentado.

No que diz respeito a está última cláusula a advogada afirma que esse valor serve para suprir as necessidades de primeiro momento após o acidente até que o trabalhador passe a receber o beneficio pelo afastamento da Previdência Social.

A assessoria jurídica alerta da importância do trabalhador das três categorias lerem atentamente a cartilha que é confeccionada pelo Sindalquim e entregue para cada um dos trabalhadores contendo os acordos e as convenções coletivas lá estão todos os direitos e deveres da categoria.

O jurídico do sindicato está à disposição da categoria na sede em São José do Rio Preto de segunda a sexta-feira das 8 às 18 horas e informações e agendamentos podem ser feitos pessoalmente na Avenida América, 364, Vila Diniz ou pelo telefone 17 3211-2550.

 

Por Sergio Sampaio

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS