Seja Digital e prefeituras da região de São José do Rio Preto firmam parceria para informar a população sobre o desligamento do sinal analógico de TV

A Seja Digital, entidade não governamental e sem fins lucrativos, responsável pelo processo de digitalização do sinal de TV no Brasil, e 21 prefeituras da região de São José do Rio Preto firmaram, nesta quinta-feira, 25 de janeiro, parceria por meio da assinatura coletiva do Termo de Cooperação. O objetivo da parceria é levar informação sobre o desligamento do sinal analógico de TV à população. Nessas localidades, o sinal analógico será desligado no dia 28 de março e, após essa data, só será possível assistir à programação da TV aberta por meio do sinal digital.

O evento contou com a presença da diretora de Comunicação da Seja Digital, Patrícia Abreu,  e de prefeitos e/ou secretários das cidades Adolfo, Altair, Bady Bassitt, Balsamo, Cedral, Guapiaçu, Ipiguá, Jaci, Jose Bonifácio, Mendonça, Mirassol, Mirassolândia, Neves Paulista, Nova Aliança, Nova Granada, Onda Verde, Palestina, Potirendaba, Sales, São José do Rio Preto e Ubarana.

 A parceria prevê também a capacitação de servidores municipais para que atuem como multiplicadores do processo de migração do sinal de TV, levando informação e orientação sobre o que deve ser feito para que os aparelhos de televisão tenham acesso ao sinal digital. Além disso, os servidores também orientarão as famílias de baixa renda atendidas por programas sociais do Governo Federal sobre o processo de distribuição de kits gratuitos a que têm direito.

Mais de 45 mil kits gratuitos, com antena digital e conversor com controle remoto, estão disponíveis para as 21 cidades que compõem a região. Para verificar se têm direito e agendar a retirada dos equipamentos, os moradores devem ligar 147 ou acessar sejadigital.com.br/kit com o NIS (Número de Identificação Social) em mãos.

Sobre a Seja Digital

A Seja Digital (EAD – Entidade Administradora da Digitalização de Canais TV e RTV) é uma instituição não governamental e sem fins lucrativos, responsável por operacionalizar a migração do sinal analógico para o sinal digital da televisão no Brasil. Criada por determinação da Anatel, tem como missão garantir que a população tenha acesso à TV Digital, oferecendo suporte didático, desenvolvendo campanhas de comunicação e mobilização social e distribuindo kits para TV digital para as famílias cadastradas em programas sociais do Governo Federal. Também tem como objetivos aferir a adoção do sinal de TV digital, remanejar os canais nas frequências e garantir a convivência sem interferência dos sinais da TV e 4G após o desligamento do sinal analógico. Esse processo teve início em abril de 2015 e, de acordo com cronograma definido pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, mais de 1300 municípios terão o sinal analógico desligado até 2018.

Da Redação

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS