Secretário não dá prazo para implantação do novo sistema da Área Azul Digital

Presidente interino da Emurb, Ângelo Bevilacqua diz que novo sistema, feito pela Empro, está em desenvolvimento e, praticamente, irá zerar a possibilidade de fraude.

Em coletiva realizada na terça-feira (14), na Secretaria da Fazenda, para divulgar o relatório das apurações feitas pela Comissão de Sindicância em cima do processo licitatório que tinha por objetivo a aquisição, implantação e manutenção do sistema da área azul digital, o presidente interino da Empresa Municipal de Urbanismo (Emurb), Ângelo Bevilacqua, afirmou que um novo sistema está sendo desenvolvido, porém, ainda sem data para entrar em funcionamento.

“Existem várias formas de prestar um serviço desses. Uma delas é a forma digital, que infelizmente não deu certo pelas razões que foram colocadas. Nós estamos desenvolvendo outro sistema, que vai ser um sistema transitório ainda, através da própria Empro, que vai diminuir, ou, praticamente zerar a possibilidade de fraude. Só que isso nós vamos divulgar após exaustivos testes que nós estamos fazendo”, explicou Bevilacqua, que também responde pela Secretaria da Fazenda.

“A Empro já está na parte final e em poucos dias nós vamos poder apresentar. O prefeito falou que isso é uma atitude paliativa para resolver o problema de fraude, de falsificação de talões, inclusive, com relação ao controle financeiro, de imediato, de tudo aquilo que está sendo comercializado”, continuou o presidente interino da Emurb, que não estabeleceu um prazo para o novo sistema entrar em vigor.

“Fixar prazo é complicado. Nós só vamos colocar para funcionar a área azul digital, e isso que estamos desenvolvendo, a hora que tivermos a plena certeza de que ela está funcionando. Nós não queremos novamente errar”, finalizou.

Do valor inicial de R$ 350 mil repassados pela Prefeitura para a Emurb, com a finalidade específica na implantação do Projeto da Área Azul Digital, a empresa tem em caixa R$289.063,38 depositados.

 

Por Marcelo SCHAFFAUSER

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS