Secretária do Meio Ambiente promove ações no início da Primavera

Otton Garcia de Arruda, chefe de divisão do Viveiro Municipal ()

O dia 22 de setembro marca o início oficial da Primavera no hemisfério no sul. Pensando nisso, a Secretária do Meio Ambiente de Rio Preto, em parceria com o Viveiro Municipal, realiza uma série de ações, que incluem plantios de árvores e distribuição de mudas para a população.

No dia 21, Dia Nacional da Árvore, serão plantadas 500 árvores nativas no ETE (Estação de Tratamento e Esgoto) e mais 100 no Parque Walter Spotti. Já no dia 23 serão plantadas 200 árvores ao longo do calçamento da avenida Juscelino Kubitschek, entre a Decatlon e a Corpore. Também haverá o projeto Viveiro Itinerante, com dez pontos espalhados pelas principais regiões da cidade para a distribuição de mudas para a população. “Às vezes, a pessoa vem no Viveiro querendo pegar uma muda, mas por estar de ônibus ou sem transporte, ela não consegue levar. Por isso resolvemos promover essa ação, para ter uma maior aproximação com as pessoas”, afirma Otton Garcia de Arruda, chefe de divisão do Viveiro Municipal.

Dhoje Interior

Com aproximadamente 60 mil mudas de mais de 30 espécies diferentes, os moradores de Rio Preto tem o direito de retirar duas mudas no local. “O Viveiro é focado em elevar os índices de arborização em frente a imóveis em Rio Preto. Todo munícipe de Rio Preto, portando um comprovante de residência em seu nome e um documento pessoal pode retirar as mudas”, explica Otton. De acordo com ele, o Viveiro doa em média 1.500 mudas por mês.

O Viveiro Municipal também tem espécies frutíferas para a doação. “Sempre orientação para quem vem buscar as mudas. Árvores frutíferas devem ser plantadas nas áreas internas, para não correr o risco de uma manga, por exemplo, cair na cabeça de quem está passando na calçada. Também perguntamos sobre a largura da calçada e se é próximo a fios da rede elétrica, para saber tipo ideal de árvore para aquele local”, comenta Arruda. A procura é maior por amoras, pitangas, jabuticabas, goiabas e abacates, segundo o chefe de divisão do Viveiro Municipal.

Com o início da Primavera, a procura por Ipês também aumenta, assim como outras espécies que produzem muitas fores. “O pessoal procura muito essas que ficam em evidência na cidade”, complementa Otton. O horário de atendimento do Viveiro Municipal é de segunda a sexta, das 8h às 17h. Colaborou: Vinicius LIMA

 

Da REPORTAGEM