Saiba o que pode estar deixando seu cão agressivo

Algumas raças tendem a ser mais agressivos de natureza, como Malamute, rottweiler, pitbull, entre outras. (Foto Divulgação)

Assim como qualquer animal de estimação os cães devem ser criados com amor e carinho, pois são animais sencientes, ou seja, tem sentimentos assim como os humanos. Uma convivência que traga agressividade, intolerância ou maus-tratos, pode refletir na personalidade e reações dos animais.

Algumas raças tendem a ser mais agressivas de natureza, como malamute, rottweiler, pitbull, entre outras. Mas como explicado, o comportamento do animal é relativo a forma em que ele foi criado, as raças citadas se tratadas com carinho, podem ser totalmente amorosas. Um segundo ponto a ser observado é se o cão tem algum estímulo de agressividade. Em alguns casos os proprietários gostam quando o cachorro apresenta atitudes agressivas por ciúme e assim não o corrige, o que não pode acontecer, pois isso fará com que o cão ache que está fazendo algo bom e repita a atitude em outras ocasiões.

Tânia Gussonati é dona de Ted, um Shih- Tzu, de 2 anos, que já causou muito problema para a família por conta de sua agressividade. A enfermeira conta que quando filhote o cachorro latia para as pessoas que iam visitar a casa, depois de um tempo Ted começou a morder quem se aproximava de algum membro da família. “Tem amigas da minha filha mais nova que não frequentam mais minha casa por medo dele, achava fofo no começo, mas hoje me sinto constrangida, ele já machucou alguns parentes meu, acredito que seja o ciúme”, contou Gussonati.

A veterinária Camila Fontes explica que para cuidar da agressividade apresentada pelos animais é preciso entender o porque de tal atitudes e corrigir o que está estimulando a raiva. Os problemas podem ser vários, nos casos de cães territorialistas, exemplos parecidos ao Ted, a castração pode trazer uma melhora significante. “Aconselho o dono do cachorro procurar ajuda profissional, somente assim é possível identificar a causa da agressividade para um posterior tratamento”, explicou Fontes.

E atenção! Algumas atitudes podem agravar o caso de agressividade como manter animais em espaço restrito ou sem atividade física, bater no animal para corrigir ou até mesmo gritar, pode ser um dos fatores para agitação e agressividade. Lembre-se,cães também refletem a atitudes de seus donos, se tratado com agressividade, pode também reagir com a mesma. Colaborou: Thais LOBATO

 

Da REPORTAGEM

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS