Rio Preto: UPA Santo Antonio – Secretário de Saúde diz que não vai impor nada

Em respeito às pessoas e lideranças que estejam sinceramente preocupadas com a possibilidade de fechamento, nas madrugadas, da UPA Santo Antonio, publicamos aqui a entrevista do novo secretário de Saúde, dr. Aldenis Borin, concedida nesta terça-feira, dia 10, no gabinete do prefeito Edinho Araújo. Diante das perguntas dos repórteres sobre o eventual fechamento daquela unidade, vejam exatamente o que dr. Aldenis respondeu:
ALDENIS BORIN – “O que vem acontecendo com esse assunto da UPA Santo Antônio é uma politização do processo, da discussão. Era um processo técnico, que estava se iniciando, que seria discutido com toda a comunidade daquela região, pelo qual se buscaria definir as vantagens e desvantagens da proposta. Mas, ao final, acabou acontecendo a politização da discussão, como se a gente já fosse fechar, como se já tivéssemos decidido, o que não é verdade. Em nenhum momento tomou-se qualquer decisão nesse sentido. O que havia era o início de um diálogo. Existe um projeto nesse processo, de melhoria para o paciente, para a comunidade. Agora, quem tem de decidir isso, quem tem de definir o andamento e a definição do processo é a própria comunidade. Nós temos a proposta da gestão. Fazer gestão é isso, é buscar melhorar as coisas com o mesmo dinheiro. Essa é a nossa proposta, ou seja, com a economia gerada pelo fechamento da unidade na madrugada – da meia noite às 7 horas – pretendíamos investir em melhorias da estrutura e compra de equipamentos, para ampliar e melhorar o atendimento das 7h à meia noite. E esse diálogo nós vamos retomá-lo no momento oportuno, vamos ouvir da comunidade se ela quer ou não que isso aconteça. Não é simplesmente fechar as portas, não. Não vamos impor nada de cima para baixo.”

Fonte: Secretaria da Saúde

SEM COMENTÁRIOS