Rio Preto reduz homicídios e latrocínios em 2017

Foto: Guilherme Ramos

A região de Rio Preto apresentou redução de oito índices criminais em 2017. Os homicídios dolosos diminuíram 11,88% no ano, passando de 101 para 89 casos. Já o total de vítimas baixou 11,43% (de 105 para 93).

Com as reduções desses indicadores, as taxas de homicídios chegaram a 5,9 casos e 6,17 vítimas a cada 100 mil habitantes no ano de 2017.

O indicador de estupros aumentou em 9,8% (de 459 para 504). Os boletins de extorsão mediante sequestro permaneceram zerados, assim como nos dois anos anteriores.

Crimes contra o patrimônio
O número de casos e de vítimas de latrocínios caíram 28,57% – indo de 14 para 10 em ambos indicadores.

Os roubos em geral recuaram 25,46%, passando de 2.494 para 1.859 no ano. É o menor valor desde 2007.

Já os furtos em geral aumentaram 0,83% na região, passando de 16.998 para 17.139. No comparativo mensal, dezembro teve queda de 3,21% no indicador de furtos (de 1.370 para 1.326).

Os roubos de veículo baixaram 19% (de 221 para 179) em 2017. O indicador atingiu o mais baixo número na região em mais de dez anos. Os furtos de veículo tiveram queda de 15,86%, passando de 2.743 para 2.308.

No ano, os roubos a banco também apresentaram redução, de 66,67%, passando de nove para três casos. Os roubos de carga, porém, aumentaram. O índice subiu 22,73% (de 22 para 27 ocorrências).

 

Da Redação

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS