Rio Preto: Presidente da Emurb esclarece Área Azul Digital na Câmara

A diretora-presidente da Empresa Municipal de Urbanismo (Emurb), Vânia Pelegrini esclarece na manhã desta sexta-feira (5), no auditório da Câmara Municipal, a polêmica que envolve o aplicativo Área Azul Digital, em Rio Preto.

Durante os questionamentos dos vereadores e autoridades presentes sobre a denúncia da empresa vencedora da licitação, para elaboração do aplicativo da Área Azul Digital que pertence a uma assessora comissionada da empresa pública, a diretora afirma que “A proposta do digital ela continua, a gente tem esta responsabilidade e tudo o que foi investido até agora é nosso. A Roberta não teve indicação política nenhuma, foi indicação técnica, ela vinha fazendo um trabalho no Parque Ecológico, desde 2018, ela era comissionada, então ela tinha todo um histórico profissional”.

A Presidente pondera que “Quando nós chegamos na Emurb nós tínhamos alguns setores que estavam defasados em função das exonerações acontecidas no fim do mandato.  A indicação foi técnica. O Vagner é de uma empresa que vem, desde 2007, prestando serviço para a Emurb, então quando eu cheguei ele já prestava serviços para nós. Sabia que ele era dono da Inovare, eu não sabia que fazia parte do quadro societário uma pessoa durante tantos anos”, conta.

Em breve mais informações.

Por Mariane Dias 

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS