Rio Preto: Mulher sofre abuso sexual e tortura pelo próprio namorado

Um jovem de 24 anos foi preso, após invadir o apartamento da namorada e torturá-la. O pedido de socorro foi escrito, pela vítima, em um prontuário médico na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Tangará. O crime aconteceu, na madrugada deste domingo (7), no bairro São Manoel, em Rio Preto.

Segundo a Polícia Militar, C.C.D.S. invadiu o apartamento da atual namorada, uma estudante de 26 anos, desconfiado de uma suposta traição, o rapaz começou a agredir a vítima.

De acordo com o boletim de ocorrência, o jovem agrediu verbalmente a namorado e minutos depois começou com as agressões físicas. Durante a briga, o rapaz dizia que a companheira havia saído com outro homem.

A vítima contou que teve suas roupas rasgadas e que o agressor a tocou na região íntima para verificar se havia praticado relação sexual. O autor, queimou a vítima  com um cigarro, forçando-a a confessar sobre a suposta traição. Após as agressões, o rapaz levou a namorada até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Tangará, mas fez ameaças durante o caminho se caso fosse denunciado, para não ser percebida, a vítima escreveu no prontuário o pedido de socorro.

O rapaz foi preso e responderá pelos crimes de lesão corporal, estupro e tortura.

Por Mariane Dias 

 

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS