Rio Preto: Homem é preso com maconha e crack dentro de táxi no Centro

DIVULGAÇÃO/GUARDA MUNICIPAL - 01/12/2017: A droga estava com um passageiro dentro do táxi.

Um lavador de 27 anos foi preso pela Guarda Municipal enquanto tentava transportar drogas dentro de um taxi na praça, Dom José Marcondes [Calçadão], centro de Rio Preto, ontem (30), por volta das 9 horas da noite.

Com ele os agentes apreenderam três celulares, 1 kg de maconha, R$ 649,00 e 21 gramas de crack distribuídas em 75 pedras prontas para fumar.

Segundo informações da ocorrência, os guardas faziam ronda de rotina pelo centro da cidade, quando viram um táxi no cruzando as avenidas: Prudente de Moraes com a XV de novembro. Quando os suspeitos perceberam a presença da viatura saíram em fuga, cruzaram o sinal vermelho, não obedecendo a ordem de parada.

Começou uma perseguição ao motorista do carro que só parou no Calçadão em um ponto de taxi. Abordado, o condutor do carro saiu, travou a porta e se identificou. Perguntado se tinha mais alguém dentro automóvel, disse que não.

Na sequência os agentes pediram ao dono, que o carro fosse aberto para revista, ele foi em direção ao porta malas. Desconfiados, os GCM’s, reviraram o banco do passageiro e lá estava um homem com uma sacola, dentro meio quilo de maconha e as porções de crack.

Além do celular, o passageiro também tinha R$ 7,00, quanto ao destino da meia peça de droga, ele informou que iria levar para outra pessoa, sem nome e endereço. O dono do taxi disse aos guardas que foi chamado para levar o homem até a casa de sua namorada e não sabia que o cliente estava com entorpecente.

Revistado também o taxista, foi encontrado mais dinheiro que ele não sabia explicar a quantidade e outro telefone. No plantão policial descobriu-se a quantia. O passageiro foi preso por tráfico e encaminhado a carceragem da DIG de Rio Preto, já o taxista foi liberado.

DA REPORTAGEM

Guilherme Ramos.

SEM COMENTÁRIOS