Rio Preto: Homem é localizado com quatro carros furtados

Um homem de 40 anos foi preso suspeito de furtar veículos de um leilão de Rio Preto, a prisão aconteceu, no último sábado, na região norte da cidade.

De acordo com a Polícia Militar, há 20 dias, quatro veículos teriam sido furtados de um leilão da cidade, durante as investigações, os militares receberam a informação de que os veículos furtados estariam circulando no JD. Marajó. Após a denúncia os policias começaram as buscas na região e localizaram o primeiro carro, uma saveiro branca, que estava em uma funilaria.

Segundo a polícia, o número do chassi o carro foi identificado como fruto de roubo e pertencia ao pátio do leilão. O homem que estava na funilaria confessou que era o dono do veículo, durante a abordagem havia com o suspeito uma chave de outro carro, um honda city, o homem teria dito que o veículo estaria na casa de sua sogra, próximo ao local onde foi abordado.

Segundo o boletim de ocorrência, os policiais foram até a casa da sogra do suspeito e constatou que o veículo era produto de roubo do ano de 2015, em frente a residência havia outro veículo uma parati que também pertencia ao leilão.

De acordo com o boletim de ocorrência, a polícia foi à casa do suspeito, em um sítio, em Engenheiro Schimdt, no local havia dois homens que ao perceberem a chegada dos policiais fugiram, um dos rapazes era um adolescente filho do suspeito, o jovem foi identificado pelo documento que deixou cair durante a fuga.

Durante as buscas no matagal os policiais localizaram uma moto, também alvo de furto do leilão. Dentro da casa do suspeito a polícia encontrou dois coletes com símbolo da Polícia Civil, dois capuzes e cinco comprovantes de pedágio.

O homem disse à polícia que teria comprado os veículos, em um local popularmente chamado de “pedra”, localizado abaixo do viaduto Jordão Reis em Rio Preto.

Segundo a polícia, o homem falou em três valores diferentes para a compra dos carros, inicialmente R$15 mil, R$ 30 mil e concluiu que teria gasto R$40 mil. Sobre os coletes o homem não respondeu. O suspeito foi preso em flagrante e responderá por pelos crimes de adulteração e receptação.

Por Mariane Dias

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS