Rio-pretenses comemoram vitória na Andaló

Foto Guilherme Batista

Avenida Alberto Andaló foi tomada por multidão de carros, motos e caminhonetes, em celebração da vitória de Jair Bolsonaro (PSL) na presidência da República. A “carreata da vitória” saiu do Centro Regional de Eventos, onde eleitores acompanharam o resultado das urnas e terminou por volta das 22 horas do domingo.

Uma das principais avenidas de Rio Preto, a Alberto Andaló, foi tomada de ponta a ponta por veículos para comemorar a vitória de Jair Bolsonaro (PSL), eleito novo presidente do Brasil. A concentração saiu do Centro Regional de Eventos, onde o público acompanhou o resultado do segundo turno das eleições. Segundo o diretório local do PSL, a carreata foi organizada por eleitores apoiadores do candidato na internet. O diretório municipal não organizou nenhum ato oficialmente na cidade.

A festa começou no próprio Centro Regional e tomou as ruas da cidade até chegar na avenida Andaló. A Polícia Militar interditou parcialmente trecho da avenida para passagem de carros, motos, caminhonetes na noite de domingo. A reportagem do DHoje Interior acompanhou parte das comemorações dos eleitores na avenida. Buzinaço, bandeiras do Brasil, camisas da seleção brasileira de futebol e camisetas em verde amarelo foram tomadas pelos rio-pretenses.

“A vitória de Bolsonaro representa mudança no poder, a volta de poder sonhar de novo”, disse o empresário Gustavo Vicente, 41 anos. Com toda família no carro, Gustavo seguiu a carreata ao som do hino nacional.

O estudante Felipe Augusto Young, 18, também demonstrou sua felicidade pelo resultado nas urnas neste segundo turno. Com uma camisa preta e foto estampada de Jair Bolsonaro, o jovem acompanhou toda celebração a pé, pela calçada da avenida. “Estou muito feliz com o resultado das urnas. É uma vitória do Brasil e não de um partido. Todos nós esperamos por mudanças”, declara Young.

Durante a carreata, alguns eleitores favoráveis a Jair Bolsonaro gritavam o apelido que viralizou na internet “mito”. Percebendo a presença da reportagem, um eleitor dentro do carro gritou “vamos botar ordem no país”.

A carreata terminou por volta das 22h deste domingo. Até o fechamento da edição nenhuma ocorrência foi relatada.

Por Vinicius MAIA 

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS