Reunião marca formação do núcleo do Mulheres do Brasil em Rio Preto

Mulheres engajadas em causas sociais, determinadas e dispostas a fazer a acontecer. O público feminino que se identificar com esse perfil poderá comparecer à reunião que vai acontecer na Praça 1 de Alimentação do Riopreto Shopping na terça-feira, dia 16 de janeiro, a partir das 8h. Será o start oficial para formação, em Rio Preto, de um núcleo do Mulheres do Brasil.

O movimento é um projeto liderado pela empresária Luiza Helena Trajano, CEO da rede Magazine Luiza, e Sonia Hess, presidente da marca Dudalina. A ação é composta por mulheres de vários segmentos econômicos do País, que se encontram mensalmente para debater e também propor iniciativas em temas ligados a empreendedorismo, cota para mulheres, educação e projetos sociais.

A fundadora do Instituto As Valquírias, Amanda Oliveira, será a responsável pelo núcleo em Rio Preto, enquanto que a diretora da Didáctica, Daniela Luiz, atuará como colíder.

Segundo Daniela, as mulheres que podem fazer parte do grupo são aquelas interessadas em causas sociais, ligadas à temática feminina. Como ela mesmo define, precisam ser mulheres dispostas a fazer acontecer.

“É necessário ter habilidade para priorização, planejamento e execução de ações em equipe. Identificação de parcerias é desejável também. O pré-requisito para isso é estar cadastrada no Grupo Mulheres do Brasil e fazer o Treinamento para Uso do Guia de Orientação do Núcleo (TUGON)”, detalha Daniela.

Hoje, em todo o Brasil, são mais de 10 mil mulheres engajadas em causas sociais que o grupo atende. “Em Rio Preto, atuaremos prioritariamente em Empreendedorismo, Educação, combate à violência contra a mulheres; Meninas do Brasil; Saúde; Inclusão de Pessoas com Deficiência; Igualdade Racial e Cultura”, diz a colíder do Núcleo.

Daniela conta que já foram feitas duas reuniões gerais para prospectar coordenadoras de causas. Este terceiro encontro será realizado especificamente com o propósito de buscar novas coordenadoras para as causas que serão inseridas no Núcleo Rio Preto.

“Cada causa conta com duas coordenadoras, assim como o Núcleo de Rio Preto conta com duas líderes (eu e a Amanda). A ideia é reunirmos nesse 3º encontro aproximadamente entre 30 e 50 mulheres identificadas com o perfil que traçamos para assumir essas causas e atuar em prol delas”, explica Daniela.

Apartidário e atuante

O Mulheres do Brasil foi fundado em outubro de 2013. O objetivo, além de discutir temas relacionados ao Brasil, é transformar as mulheres em protagonistas de ações que redundem em mais qualidade de vida para todos.

O projeto tem uma agenda propositiva com planos de ação, sem causa partidária. O que inspira o grupo, que já mobiliza mais de 4 mil mulheres, é essencialmente uma só causa, chamada Brasil.

O Mulheres do Brasil tem comitês que tratam de temas como igualdade social da mulher negra, empreendedorismo, inserção de refugiados, combate à violência contra a mulher, saúde e educação, entre outros.

SERVIÇO

Reunião para formação do núcleo rio-pretense do Mulheres do Brasil

Quando: Dia 16 de janeiro, terça-feira, a partir das 8h

Onde: Praça 1 de Alimentação do Riopreto Shopping

Da REDAÇÃO

SEM COMENTÁRIOS