Região recebe mais de R$ 17 milhões em financiamento

Foto Thiago PASSOS

Retomada do crescimento da economia fez com que créditos disponibilizados pela Desenvolve SP para a região de Rio Preto crescesse 388% em 2017. Valor foi destinado para empresas de pequeno e médio porte, além de prefeituras.

Os financiamentos realizados pela Desenvolve SP – Agência de Desenvolvimento Paulista aumentaram 388% na região de São José do Rio Preto. Passaram de R$ 4,43 milhões para R$ 17,2 milhões. Os recursos são destinados para empresas de pequenos e médios portes e também para municípios.

A indústria conseguiu a melhor injeção de crédito da região. Obtendo R$ 2,6 milhões neste ano. O que significa um crescimento de 2.019% nos desembolsos. As empresas de serviços e comércio chegaram ao valor de R$ 1,1 milhão.

“A região de Rio Preto tem uma excelente estrutura para o crescimento econômico e geração de empregos” – Diz DIRETOR DESENVOLVE – Milton Luiz de Melo Santos

De acordo com o diretor-presidente da Desenvolve SP, Milton Luiz de Melo Santos, o principal fator para o aumento é a melhora da economia no país. “Estamos saindo de uma crise que fez com o que o PIB fosse negativo por três anos. Crescemos pouco, mas estamos nos recuperando”, afirma.

Porém, o número de empreendimentos privados de pequeno porte que procuraram o financiamento caiu de 17% para 8% no ano passado. Já os de médio porte aumentaram 9%.

Segundo o relatório da Agência, os recursos foram destinados para projetos de inovação e de longo prazo. Além de para capital de giro, modalidade em que o dinheiro pode ser usado para o pagamento de dívidas.

“A forma de gastar o valor fica a cargo do empresário. Se ele quiser, pagar alguma conta grande em algum banco privado para poder aproveitar as vantagens de um banco fomentador como o nosso, tudo bem. Durante a crise, esse crédito foi fundamental para a permanência dos negócios”, explica.

No caso das prefeituras, os desembolsos foram destinados, principalmente, para obras de asfalto e reformas estruturais que visem melhor uso dos recursos ambientes.
Na região as cidades com financiamentos foram: São José do Rio Preto (R$ 9,8 milhões), Mirassol (R$ 192,5 mil), Poloni (R$ 2,1 milhões), Votuporanga (R$ 82,3 mil), José Bonifácio (R$ 55 mil), Jales (R$ 4 milhões), Fernandópolis (R$ 875,5 mil) e Bálsamo (R$ 116,7 mil).
“Esta parte do Estado é propícia para o desenvolvimento. Sua qualidade de vida é boa, tem ótimas rodovias e uma mão de obra qualificada. Isso faz com que as indústrias e serviços migrem da capital para o interior”, comenta Melo Santos.

A Desenvolve SP é um banco público de fomento para empresas de micro a médio porte e municípios. As taxas trabalhadas são diferentes da do mercado, podendo ser de 0% para projetos de inovação.

 

Por Marina LACERDA

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS