Receita Federal espera receber 268 mil declarações do imposto de renda na região de Rio Preto

Multa - Quem atrasar a entrega da declaração pode ter o CPF restringido

Segundo dados da Receita Federal, a previsão de entrega das declarações do imposto de renda em 2018, na delegacia da Receita Federal em Rio Preto, que abrange outras 72 cidades da região, que começam a partir desta quinta-feira (1º) e vão até o dia 30 de abril, é de 268.119. Somente em Rio Preto, maior polo regional, a expectativa da receita é receber 104.686 declarações de imposto de renda.

Neste ano, de acordo com o auditor fiscal da Receita Federal, Mauro José da Silva, algumas novidades foram feitas para facilitar a declaração do contribuinte.

“Entre as novidades apresentadas estão o maior detalhamento dos bens, a obrigatoriedade de informação de CPF de dependentes a partir dos 8 anos completados até a data de 31/12/2017, e o painel inicial contendo informações das fichas que poderão ser mais relevantes para o contribuinte durante o preenchimento da declaração, baseado no que foi utilizado na declaração anterior. Com relação ao maior detalhamento dos bens, dependendo da natureza de cada bem, serão solicitadas informações complementares”, explicou.

Segundo o auditor, quem não entregar até o dia 30 de abril, prazo final para apresentar a declaração de imposto de renda, ou entregar com atraso, pagará a multa mínima de R$ 165,64 sobre o imposto com juros e multas, ou 75% sobre o imposto, além de ter o CPF restringido.

“O programa Meu Imposto de Renda substituirá o m-IRPF, a retificadora on-line e o rascunho, permitindo o preenchimento de declarações do IRPF 2018, originais e retificadoras. O APP estará disponível nas lojas para aplicativos de celular/tablet e no Centro Virtual de Atendimento (e-CAC) para computadores”, disse o auditor, que concluiu.
“O programa para preenchimento da DIRPF de 2018, referente ao ano-calendário de 2017, já está disponível para download no site da Receita Federal. Já o programa Meu Imposto de Renda estará disponível a partir desta quinta-feira (1º). O programa da DIRPF 2018 permite a impressão do DARF para pagamento de todas as quotas do imposto, inclusive as em atraso”, finalizou.

 

Por Marcelo SCHAFFAUSER

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS