Reboque de caminhão canavieiro se solta, bate em carro e mata professora universitária

Uma professora universitária, de 56 anos, morreu e outras duas pessoas ficaram feridas após o carro em que estavam ser atingido por um reboca de um caminhão canavieiro, na noite de domingo (12), na rodovia dos Barrageiros, entre Ilha Solteira e Santa Fé do Sul.

De acordo com a Polícia Rodoviária Estadual, o reboca do caminhão de uma usina de cana de açúcar da região se soltou do veículo e ficou no meio da pista. O motorista do carro, um idoso de 66 anos, não viu a peça e acabou colidindo batendo.

O motorista do caminhão só percebeu que o reboque havia se soltado quando chegou na usina. Ele voltou para buscar, mas já havia ocorrido o acidente.

Foto: Rádio Santa Fé

O carro atingiu a traseira do reboque e, com o impacto da batida, o condutor do carro e a esposa, uma mulher de 63 anos, que estava no banco da frente, tiveram apenas ferimentos leves.

A irmã do motorista, Zeneide Ribeiro Campos, de 56 anos, que estava no banco de trás do carro, foi socorrida pelos bombeiros em estado grave. Ela foi levada ao Hospital Regional de Ilha Solteira, mas não resistiu e morreu a caminho do hospital.

Zeneide era professora universitária e lecionava na Universidade de Nova Xavantina, estado do Mato Grosso.

O condutor do carro e a esposa continuam internados no Hospital Regional de Ilha Solteira, em observação.

As causas do acidente serão investigadas.

Por Bia MENEGILDO

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS