Quadrilha que assaltou banco é condenada pela Justiça

A agência do Banco do Brasil, localizada na avenida Mirassolândia, foi alvo da quadrilha em 2016

A Justiça condenou a quadrilha que roubou uma agência do Banco do Brasil, localizada na avenida Mirassolândia, em Rio Preto. O crime foi em agosto de 2016.

De acordo com a decisão da juíza da 5ª Vara Criminal de Rio Preto, Glaucia Véspoli de Oliveira, os setes integrantes que compõe a quadrilha pegaram penas que variam entre oito a 27 anos de prisão.

Dhoje Interior

Com exceção de uma mulher, que está em liberdade e vai recorrer da sentença, todos os outros presos terão que permanecer presos até a Justiça julgar os recursos.

No dia do crime, dois homens entraram na área de caixas eletrônicos e fingiram ser clientes. No momento em que a gerente e um vigia chegaram ao banco foram rendidos pela dupla que os levaram para dentro da agência.

A gerente foi obrigada a abrir o cofre para os assaltantes, enquanto os outros integrantes rendiam outros funcionários que estavam chegando no local para trabalha. Todos eles foram trancados em uma sala. Os criminosos estavam armados, porém, não deixaram a vista pra não chamar a atenção.

Toda a ação durou cerca de 10 minutos. Os funcionários só foram soltos após um cliente que tinha ido até a agência sacar dinheiro no caixa eletrônico ouvir os gritos vindos de dentro do banco.

A Polícia Militar prendeu três homens um dia após o crime, no bairro Solo Sagrado. As investigações foram realizadas pela Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Rio Preto. Os outros quatro integrantes foram presos no decorrer do inquérito.