PT tem comando feminino pela primeira vez em Rio Preto

Entre os objetivos de sua candidatura está a reorganização do PT na cidade, ampliar o trabalho de base, incentivar a conscientização política da população, e levar a militância para as ruas. Foto Divulgação

Eleita a primeira mulher presidente do Partido dos Trabalhadores em Rio Preto, neste domingo, dia 8, a pedagoga Celi Regina vê a oportunidade como única. Entre suas metas, ela destaca a luta por políticas públicas, pela igualdade de gênero principalmente o combate à violência doméstica.

“Não podemos esquecer que no Brasil, a cada quatro minutos, uma mulher é violentada e que todo dia casos alarmantes desta violência aparecem inclusive em nossa cidade. Ser a primeira mulher presidente do partido é muito importante, pois trarei visibilidade às políticas para o empoderamento feminino e articularei, com movimentos feministas, o trabalho de campo em apoio às mulheres”, enfatizou a presidente, eleita com 256 votos.

O momento vivido no Brasil, onde a polarização política está bastante em pauta, Celi garante que será necessário o diálogo entre os movimentos e partidos de esquerda principalmente sobre questões de direitos humanos.

Entre os objetivos de sua candidatura está a reorganização do PT na cidade, ampliar o trabalho de base, incentivar a conscientização política da população, e levar a militância para as ruas.

“Você viu as estatísticas dos posts mais comentados do Twitter na última semana? A #VoltaPT é o assunto mais recorrente. Então, é preciso dialogar mais com a população, mostrar que estamos juntos e que somos resistência”, observa.

ELEIÇÕES 2020

A nova presidente do PT de Rio Preto não escapou de falar sobre a corrida eleitoral que já começou na cidade. Ela diz que as decisões sobre os indicados do partido para o próximo ano ainda não foram acertadas.

“Nós ainda estamos planejando e avaliando os nomes e possíveis alianças”, destacou a nova presidente que não descarta disputar uma cadeira de vereadora e voltar à Câmara Municipal.

Por Ygor Andrade

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS