Projeto Samba Esquema Nosso festeja o samba em suas variações

Neste dia 2 de dezembro é comemorado o dia do samba, considerado o ritmo mais marcante da música brasileira.

No Sesc Rio Preto, a comemoração acontece em dois domingos, dias 1 e 8 de dezembro, e traz músicos da cidade e de fora para participar do projeto “Samba Esquema Nosso”.

A celebração começou um dia antes da data oficial do samba, no dia 1, o projeto Batuqueiros da Vila, de Rio Preto, convidou a carioca Dayse do Banjo para uma roda de samba na unidade.

O projeto Batuqueiros da Vila é uma iniciativa de amigos e sambistas do bairro Vila Diniz e visa resgatar o melhor do samba raiz, em uma roda que acontece todo segundo sábado de cada mês no bairro de origem do projeto. Carioca da gema, nascida no subúrbio de Padre Miguel, Dayse do Banjo é afilhada de Beth Carvalho e já acompanhou expoentes do samba como Nelson Sargento, Dona Ivone Lara, Diogo Nogueira, Arlindo Cruz, Sombrinha, entre outros.

O outro show acontece neste próximo domingo, dia 8 de dezembro, a partir das 14h, com o
Samba de Elis, uma roda de samba que é realizada todo terceiro domingo de cada mês,
na Praça Elis Regina, em São Paulo, com o intuito de ampliar a representatividade das
mulheres na roda de samba como musicistas. As apresentações priorizam trabalhos
autorais das mulheres e fomentam a troca de experiências e o acolhimento das que estão
em processo de aprendizagem musical.

Ambos os shows tem entrada gratuita e classificação livre. Saiba mais em sescsp.org.br/riopreto.

Da REPORTAGEM

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS