Projeto “Revelação” ganha exposição e instalação fotográfica

Foto: Jorge Etecheber.

Após o processo de criação, realizado em vivências teóricas e práticas, o projeto “Revelação”, idealizado pelo fotógrafo rio-pretense Jorge Etecheber, ganha exposição e instalação fotográfica, até o dia 28, e fica disponível para visitações no estúdio do fotógrafo.

Iniciado no dia 11 de outubro, o projeto que foi contemplado pelo edital de concurso cultural da Secretaria Municipal de Cultura de Rio Preto, da Lei de Fomento Cultura para Todos/Prêmio Nelson Seixas (modalidade Artes Visuais – Fotografia), chega a sua segunda etapa, onde as fotos que foram captadas nas oficinas de criação são expostas em uma mostra fotográfica que também integra a instalação da fotografia analógica, reunindo objetos e equipamentos que contam a história da fotografia no período analógico.

Na exposição/instalação, será possível ter contato com uma câmera fotográfica gigante, onde é explicado de forma prática o fenômeno de registro da luz; com um laboratório fotográfico, onde conhece os processos químicos envolvidos na revelação e ampliação da fotografia (fixação da imagem no papel fotográfico); e com vários equipamentos e acessórios que marcam o período da fotografia analógica.

De acordo com o idealizador do projeto, Jorge Etecheber, a proposta do projeto é, por meio dos processos envolvidos na fotografia analógica, “oportunizar formas diferentes para promover o ensino de conceitos relacionados à Física, à Química e às Artes” afirma.

A exposição fica disponível para visitações, na rua Silva Jardim, 4053, Vila Santa Cruz, com agendamentos até o dia 28, das 09h às 11h e das 14 às 16h, pelos telefones (17) 99771-4758 e (17) 3231-1005, ou pelo e-mail [email protected]

Sobre o projeto

Com o objetivo de apresentar e instigar a fotografia analógica às novas gerações, o projeto “Revelação” consiste em uma experiência prática em torno da fotografia analógica, que resultará em uma exposição fotográfica, chamada “Revelação”, produzida pelos participantes do curso fotografia analógica.

O projeto é dividido em duas etapas: vivências teóricas e práticas; e exposição e instalação fotográfica. A primeira etapa do projeto foi realizada em três dias de oficinas (11, 12 e 13), começando pela vivência teórica em fotografia analógica, que contou com orientação do equipamento fotográfico e técnicas do processo analógico. Na vivência prática, os alunos inscritos participaram de uma saída fotográfica para capturar imagens com filme analógico, da revelação dos filmes produzidos pelo grupo, das escolhas e ampliação das fotos produzidas e seleção de imagens que farão parte da Exposição Fotográfica “Revelação”.

Serviço

Agendamento – (17) 99771-4758 – (17) 3231-1005 – [email protected]
Local Studio Fotográfico Jorge Etecheber
Rua Silva Jardim, 4053 Vila Sta. Cruz

Da REDAÇÃO

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS