Projeto “Retomada Consciente” possibilitará abertura de lojas em geral e shoppings em Rio Preto

Rio Preto está na fase 2 (Laranja) foto _ ilustrativa Governo do Estado

O governador João Doria (PSDB) apresentou nesta quarta-feira (27) a nova etapa do Plano São Paulo com o lançamento do projeto “Retomada Consciente” que vai possibilitar a reabertura de diversas atividades econômicas no Estado de São Paulo a partir de 1º de junho.

Essa nova fase que será feita de forma regionalizada e por setores levando em consideração a redução constante do número de casos de Covid-19, disponibilidade de leitos públicos e privados e distanciamento pré-estabelecidos tanto nos ambientes públicos como privados e o uso obrigatório de máscaras por parte de todos.

Dhoje Interior

A cidade de Rio Preto está na fase 2 (Laranja) onde possibilitará a abertura de cinco setores econômicos que serão a partir de agora regrados pelo prefeito sendo eles: Shopping Center, Comércio em Geral, Varejista e Atacadista, Lojas e Venda de porta em porta, atividades imobiliárias, Concessionárias e Escritórios.

“A atitude responsável de cada pessoa será fundamental”, salientou Doria afirmando ainda que a população deve respeitar as orientações feitas pelo governo do Estado e pelas prefeituras.

Entre o dia 1º a 15 de junho o governo fará um monitoramento dia a dia “Se tiver que voltar atrás não hesitaremos de fazer para preservar vidas”, afirmou o governador.

Patrícia Ellen, secretária de Desenvolvimento do estado, salienta plano São Paulo neste momento será heterogêneo e faseada em cinco pontos sendo: fase 1 Alerta Máxima (fase de contaminação, com a liberação apenas para serviços essenciais), fase 2 Controle (fase de atenção, com eventuais liberações), fase 3 Flexibilização (fase controlada, com maior liberação de atividades), fase 4 Abertura parcial (fase decrescente, com menores restrições) e fase 5 Normal controlado (fase de controle da doença, liberação de todas as atividades com protocolos).  Cada uma delas foi definida uma cor: fase 1 Vermelha, fase 2 Laranja, fase 3 Amarela, fase 4 Verde e fase 5 Azul.

O faseamento de cada região dependerá  da Capacidade do Sistema de Saúde:  taxa de ocupação de UTIs (Unidade de Terapia Intensiva) por pacientes com Covid-19, leitos UTI Covid para cada 100 mil habitantes na região  e Evolução da epidemia: número de casos, número de internações e número de óbitos. Essa troca de fase poderá ser alterada para mais flexível ou menos flexível, conforme o cumprimento de cada protocolo que inicialmente será feito a cada 7 dias e posteriormente a cada 15 dias.

No que diz respeito à retomada das atividades econômicas foi dividas em 15 setores tendo com consideração produção X emprego.

Segundo o vice-governador Rodrigo Garcia, a partir da fase 2 (Laranja) todos os prefeitos terão a possibilidade de flexibilizar as atividades permitidas.

Por Sérgio SAMPAIO