Prefeitura inicia mutirão aos sábados para combate ao Aedes aegypti

Equipes visitam residências procurando focos do mosquito e orientando. Divulgação SMCS

Neste sábado, 16 de fevereiro, a Prefeitura de Rio Preto, por meio da Secretaria de Saúde, inicia o mutirão de combate ao mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, zika e chikungunya. A ação faz parte da campanha “Rio Preto unida contra o Aedes“, que, até o fim do mês, desenvolverá também uma série de atividades educativas nas escolas municipais.

Para o primeiro dia de mutirão, a expectativa é que 230 agentes de saúde estejam em campo para vistoriar 7.500 imóveis. A ação ocorrerá das 8h às 14h, nas áreas de abrangência das unidades de saúde do Santo Antonio, Vetorazzo, Estoril, Solo Sagrado, Vila Toninho, Jaguaré e Lealdade e Amizade.

Os agentes estarão identificados com crachá, calça azul e camiseta branca, com logotipo da prefeitura. Durante a vistoria, os possíveis criadouros serão eliminados. A população ainda será orientada sobre os cuidados para manter os ambientes livres de focos do mosquito Aedes e poderá tirar dúvidas.

É fundamental permitir a entrada dos agentes na residência, já que nem sempre os moradores percebem todos os locais que possam estar servindo como criadouro para o mosquito. Caso haja dúvida quanto à identidade do agente de saúde, o morador pode recorrer à Ouvidoria da Secretaria, pelo 0800 770 58 70.

Orientações:

– Mantenha a caixa d´água bem fechada. Coloque uma tela fina na saída do ladrão da caixa d´água;

– Remova folhas e galhos das calhas;

– Vire as garrafas de vidro de boca para baixo;

– Mantenha abaixada a tampa do vaso sanitário que não tenha uso frequente; ou vede com um saco de lixo e fita;

– Mantenha bem esticadas as lonas utilizadas para cobrir materiais;

– Não deixe em seu quintal garrafas PET, latas, sacolas plásticas e outros objetos que possam ficar cheios de água;

– Lave semanalmente ou coloque areia nos pratos sob os vasos de plantas;

– Faça o tratamento semanal com cloro nas piscinas.

Fonte: Prefeitura de Rio Preto

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS